Portuguesa 1 x 2 Ituano - Mais uma noite para esquecer...

No retorno ao Canindé, Lusa perde e cai na Copa do Brasil

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 28 (AFI) - O retorno ao Estádio do Canindé e a estreia do técnico Júnior Lopes não foram suficientes para a Portuguesa acabar com o zica do primeiro semestre. Na noite desta quarta-feira, em São Paulo, a Lusa foi derrotada pelo Ituano, por 2 a 1, no jogo de volta da segunda fase e está fora da Copa do Brasil.

A Lusa até carregava boa vantagem por ter empatado a ida, por 1 a 1, mas acabou vacilando, tomou um gol aos 43 minutos do segundo tempo e acabou eliminada. O Ituano, por sua vez, é o segundo classificado a terceira fase e vai encarar o vencedor de Goiás e Independente-PA, que começam a jogar no próximo dia 07.

O JOGO

A Lusa deu mostras no início da partida que a volta ao Canindé traria novos ares depois do desastre no Paulistão. Logo aos dois minutos, Léo Costa recebeu lançamento, limpou dois jogadores e rolou para Hugo, dentro da área, finalizar. O camisa 9 bateu fraco e facilitou para o goleiro Fábio, que conseguiu fazer boa defesa.

Apesar da pressão no começo, a Portuguesa não conseguiu manter o ritmo e foi presa fácil para a marcação do Ituano. Os visitantes congestionaram bastante e praticamente não foram mais ameaçados. O baixo nível técnico dos dois lados contribuiu para deixar boa parte da primeira etapa sem emoções.

O jogo só voltou a esquentar pouco antes do intervalo. Aos 41 minutos, Fabinho Capixaba cruzou, a defesa do Ituano falhou e Hugo aproveitou a sobra. No meio do caminho, Fábio colocou o pé na bola e salvou o Ituano. Logo em seguida, os visitantes abriram o placar. Clayson recebeu passe de Dick dentro da área e finalizou cruzado, sem chances para o goleiro Tom.

O gol sofrido pouco antes do intervalo não assustou a Portuguesa. O estreante Júnior Lopes colocou o time a frente com mais um atacante em campo e tentou encurralar o adversário no campo de defesa. Aos poucos, a Lusa foi ganhando espaço e conseguiu deixar tudo igual aos 21 minutos. Renan aproveitou bola roubada no ataque e bateu de longe, no cantinho, sem chances de defesa para Fabio.

Os donos da casa ficaram em cima, tentando aproveitar o embalo, mas logo esfriaram a pressão por conta da forte marcação do Ituano. Na base da velocidade, o Ituano tentou chegar ao campo de ataque e ameaçar. Aos 43 minutos, o Galo conseguiu o gol da classificação. Clayson bateu de fora da área e a bola tocou na mão de Valdomiro. Pênalti. Na cobrança, Ronaldo deslocou o goleiro e foi comemorar.

Na base da pressão, a Lusa tentou reagir nos últimos cinco minutos, mas o que houve de mais importante foi a expulsão de Júnior Lopes. Completando uma estreia para não guardar na memória.

Ficha Técnica

Fase
2ª Fase
Rodada
2ª rodada
Data
28/04/2015
Horário
21h50
Local
Canindé - São Paulo (SP)
Árbitro
Aurelio Santana Martins (SP)

Renda
R$ 34.440,00
Assistentes
Rogerio Pablos Zanardo (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)

Público
1.242 pagantes
Cartões Amarelos
Portuguesa-SP: Guilherme, Tom
Ituano-SP: Ronaldo, Cristian, Dick, Jonatan

Gols
Portuguesa-SP: Renan 21' 2T
Ituano-SP: Clayson 44' 1T, Ronaldo 43' 2T
Portuguesa-SP
Tom;
Fabinho Capixaba, Valdomiro, Guilherme e Luan Peres (Michel);
Renan, Betinho, Cleiton (Diego Gonçalves) e Léo Costa;
Marcelinho e Hugo (Matheus Ortigoza)
Técnico: Júnior Lopes
Ituano-SP
Fábio;
Dick, Leonardo Luiz, Naylhor e Peri (Zé Carlos);
Jonatan, Walfrido, Clayson e Cristian (Cristian);
Ronaldo e Claudinho (Ricardinho)
Técnico: Tarcísio Pugliese
 
 
" />