Pressionada, Ponte Preta deve ter mudanças diante do lanterna

O técnico Fábio Moreno sabe que precisa dar uma resposta depois da imagem negativa deixada em Bragança Paulista

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 21 (AFI) - A péssima atuação da Ponte Preta na derrota para o Red Bull Bragantino, por 2 a 0, em Bragança Paulista, na última segunda-feira, deve fazer o técnico Fábio Moreno mexer no time titular.

Setor mais criticado pelos torcedores, a defesa continuará sendo formada por Apodi, Luizão, Ruan Renato e Yuri, além do goleiro Ygor Vinhas, que falhou no segundo gol do Red Bull Bragantino e ainda não mostrou que pode substituir Ivan.

Paulo Sérgio ainda não vingou com a camisa da Ponte (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)
Paulo Sérgio ainda não vingou com a camisa da Ponte (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)
No meio de campo, Barreto vai para a reserva e o jovem Léo Naldi aparece entre os titulares. O contestado Dawhan segue no time, assim como o meia Camilo. A outra alteração será no comando de ataque, mas por questão médica.

Substituído ainda no primeiro tempo do jogo em Bragança Paulista com problema na coxa esquerda, João Veras dá lugar para Paulo Sérgio. Um dos principais reforços para a temporada, o ex-artilheiro do CSA tenta dar a volta por cima após um início muito ruim.

Em relação aos jogadores que estavam de fora, Fábio Moreno ganhou a opção do meia Vini Locatelli, que fica como opção no banco de reservas. O zagueiro Ednei, o lateral-esquerdo Jean Carlos e o atacante Papa Faye seguem no departamento médico.

A provável Ponte Preta é: Ygor Vinhas; Apodi, Luizão, Ruan Renato e Yuri; Dawhan, Léo Naldi e Camilo, Niltinho, Moisés e Paulo Sérgio.