Série B: Coordenador médico da Ponte garante: "Ivan não jogou no sacrifício"

A Macaca comunicou nesta sexta-feira que o goleiro vai precisar passar por uma cirurgia no pulso

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 30 (AFI) - A notícia de que Ivan vai passar por uma cirurgia no pulso pegou todo mundo de surpresa nesta sexta-feira. Principalmente porque o goleiro vinha atuando lesionado e o departamento médico optou pelo tratamento conservador.

Em entrevista coletiva virtual, o coordenador médico Felipe Abreu explicou a situação de Ivan. Ele fez questão de garantir que em nenhum momento o goleiro entrou no sacrifício. Novos exames foram realizados quando o camisa 1 pontepretano reclamou de dor.

"Até o momento não havia nenhuma necessidade tanto de afastamento quanto de tratamento cirúrgico. O atleta estava bem, estava tendo uma performance que não estava sendo limitada por isso. Não tinha porque ficar de fora das partidas. O atleta não estava jogando no sacrifício. Em nenhum momento ele foi pressionado a entrar", garantiu Abreu.

Ivan vai desfalcar a Ponte por tempo indeterminado (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)
Ivan vai desfalcar a Ponte por tempo indeterminado (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)
YGOR VINHAS VAI PARA O JOGO?

Existe a expectativa que Ygor Vinhas seja liberado pelo departamento médico para o jogo da próxima segunda-feira, contra o Figueirense. Felipe Abreu revelou que o reserva imediato de Ivan apresentou melhoras em relação a lesão na coxa.

"O Ygor melhorou bastante. Já está fazendo trabalhos técnicos com o Betão (preparador de goleiros). Acredito que nos próximos dois dias vamos ter uma resposta melhor e vamos conversar com a comissão técnica e o Betão para decidir se ele vai ou não para essa partida", comentou o coordenador médico.

Se Ygor Vinhas não tiver condições, o técnico Marcelo Oliveira vai ter que escolher entre Guilherme e Luan.