Presidente da Ponte Preta sai em defesa de PL 2125: 'Resposta emergencial'

Projeto de Lei será votado nesta quarta-feira na Câmara dos Deputados

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 03 (AFI) - O polêmico Projeto de Lei 2125/2020, que causou incômodo na maior parte dos jogadores do futebol brasileiro, foi bem aceita por Sebastião Arcanjo.

A emenda, a qual prevê suspensão do pagamento do Profut durante a pandemia, foi elogiada pelo presidente da Ponte Preta.

Presidente da Ponte, Sebastião Arcanjo aprova PL 2125/2020
Presidente da Ponte, Sebastião Arcanjo aprova PL 2125/2020

"O projeto nasceu de um esforço da CBF e dos clubes brasileiros para adaptar as condições dos times à situação gerada ao coronavírus. É uma resposta emergencial para mitigar os impactos gerados pelo coronavírus", declarou Arcanjo, ao Portal Futebol Interior.

"Vamos acompanhar com interesse a votação, lembrando que ainda tem de ir para o senado e sanção presencial antes de se tornar realidade", emendou o cartola.

A votação do Projeto de Lei 2125/2020, que estava marcada para a tarde desta terça-feira, foi adiada para quarta, na Câmara dos Deputados, em Brasília.

O PL ainda autoriza as mudanças nos regulamentos dos torneios já iniciados - Estaduais e Copa do Brasil, alterando o parágrafo 5º do artigo 9 do Estatuto do Torcedor.