Paulistão: Técnico da Ponte lamenta paralisação e dispara: 'Nós somos homens aqui'

Com derrota no Dérib 196, Macaca amarga a lanterna geral da competição regional

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 18 (AFI) - Após derrota de virada no Dérbi 196, João Brigatti tratou de negar qualquer possibilidade positiva aos planos da Ponte Preta por conta da interrupção do Campeonato Paulista.

Apesar de amargar a lanterna geral, o treinador espera reencontrar o caminho das vitórias, após resolução da pandemia do coronavírus, para tentar escapar da zona de rebaixamento.

"Campeonato, se for paralisado como estão dizendo, é por uma situação de saúde mundial, na verdade. Nós aqui não estamos torcendo para o campeonato parar porque a Ponte está nessa situação (lanterna). Nada disso! Nós somos homens aqui", disparou, em entrevista coletiva.

Brigatti, técnico da Ponte, lamenta pausa do Campeonato Paulista - Álvaro Júnior / AA Ponte Preta
Brigatti, técnico da Ponte, lamenta pausa do Campeonato Paulista
"A gente sabe arcar na vitória e na derrota. Isso aí não tem nada a ver. Eu acho que a Ponte Preta tem que manter essa crescente que vem acontecendo para que a gente possa, quando retomar o campeonato, ter uma situação melhor e conseguir as duas vitórias", emendou.

O QUE VEM POR AÍ?

A diretoria da Ponte Preta, graças ao problema de saúde mundial, suspendeu todas as atividades no Moisés Lucarelli, independentemente de categoria, pelos próximos 15 dias.

"Vamos ver se a gente ver o que a Federação (Paulista) vai determinar. Logicamente, vamos ter que trabalhar bastante, principalmente no segundo tempo, quando a equipe cai um pouquinho. Nós viemos aí em uma sequência de jogos pela Copa do Brasil. Estar na zona de rebaixamento é difícil", comentou Brigatti.

"O Campeonato Paulista é traiçoeiro. Você tem que ter um pouco mais de equilíbrio e um corpo de atletas um pouco mais experientes, mas, enfim. Eu acho que a Ponte está em uma crescente, principalmente mostrando futebol e criando inúmeras oportunidades. Essas coisas não vinham acontecendo", finalizou.