Paulistão: Ponte Preta confirma nome para marca própria em seus uniformes

Fará a estreia no Brasileirão e já tem nome: 1900, em alusão ao ano de fundação da Ponte Preta.

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 22 (AFI) - O contrato está assinado, as máquinas estão prontas para produzir e a marca própria do novo uniforme da Macaca, que fará a estreia no Brasileirão, já tem nome: 1900, em alusão ao ano de fundação da Ponte Preta.

“Completamos 120 anos em agosto e o nome é uma homenagem à data em que o time foi criado, um ano que marcou a história do futebol no Brasil”, diz Moacir Pereira, diretor de Marketing da Macaca.

MARCA PRÓPRIA VIRA MODA


Ele ressalta que a marca própria, que será produzida pela Betel Sports (empresa que já produz uniformes de marcas próprias para equipes como Bahia, Paysandu e do argentino Gymnasia y Esgrima, entre outros), é uma realidade para diversos times do futebol brasileiro.

“Hoje equipes como Coritiba, Bahia, Fortaleza e Paraná têm suas próprias marcas e isso traz uma grande vantagem pra os times, pois o uniforme e o enxoval da equipe se transformam em um grande ativo para o clube, primeiro porque há controle maior da instituição, desde a produção até o fornecimento”, diz.

GANHO MAIOR
Ele acrescenta:
“Além disso, a possibilidade de ganho é maior e nós fixamos o valor de venda das peças. Como trabalhamos inclusive com loja própria, o percentual de lucro da Ponte é bem maior do que se trabalhássemos recebendo royalties de uma grande fornecedora de material esportivo. O valor revertido para a Ponte é maior.”

O novo uniforme da Macaca fará sua estreia no Campeonato Brasileiro de 2020, que se inicia no mês de maio.