Paulistão: Trevisan projeta evolução defensiva da Ponte: 'Falta só entrosamento'

Zaga da Macaca foi muito contestada após derrota diante do Santo André, no Moisés Lucarelli

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 29 (AFI) - A derrota diante do Santo André, logo na estreia do Campeonato Paulista, em pleno Moisés Lucarelli, colocou em xeque a credibilidade da defesa da Ponte Preta no início da temporada.

Sem mudanças entre as rodadas, a Macaca deu resposta positiva e venceu o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, sem Ygor Vinhas ser vazado.

Um dos pilares do setor, Henrique Trevisan projetou evolução da zaga alvinegra ao longo da competição.

"Falta um pouco de comunicação e de organização do sistema defensivo para anular as jogadas do adversário. Conforme os jogos e os treinamentos vão passando, vamos nos conhecendo e nos organizando mais. Falta em todo o time, pois está começando um trabalho novo", declarou o beque, em entrevista coletiva.

Trevisan torce por melhor do desempenho defensivo da Ponte - Álvaro Júnior / AA Ponte Preta
Trevisan torce por melhor do desempenho defensivo da Ponte
"Ainda falta entrosamento. Com o decorrer das partidas e treinos, juntamente com os resultados positivos, vamos criando confiança e mais organização defensiva. O fato de não tomar gol é para ser comemorado, pelo menos para nós da defesa", emendou.

Trevisan, um dos remanescentes de 2019, ainda celebrou a continuidade dada pelo técnico Gilson Kleina aos jogadores titulares.

"A confiança do técnico é importante. Kleina é um grande treinador. Ele dá confiança aos jogadores. A sequência de um time provoca entrosamento. Vamos ganhar com o decorrer da competição. Com sequência, vamos nos conhecendo cada vez mais e, teoricamente, fazendo melhores jogos para conseguirmos resultados positivos", declarou.

"Tivemos um tropeço em casa, mas penso que fizemos bom jogo diante do Santo André. Infelizmente, perdemos o jogo. São coisas que acontecem. Já viramos a chave e conseguimos bom resultado lá em Ribeirão. É seguir adiante no dia a dia nos treinos e nos jogos para conquistar a confiança nossa e da torcida para fazermos bom Campeonato Paulista", completou.

E AGORA?

Com três pontos e na vice-liderança do Grupo A, a Ponte Preta volta a campo nesta quinta-feira, 30 de janeiro, quando enfrenta o Corinthians, no Estádio Moisés Lucarelli, às 21h30, com torcida única.