Paulistão: Fabiano Xha explica trabalho físico da Ponte na pré-temporada: 'Manter a força'

Macaca estreia no Estadual em 23 de janeiro, diante do Santo André, no Moisés Lucarelli

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 08 (AFI) - A Ponte Preta dá sequência à pré-temporada, iniciada em 03 de janeiro, com trabalhos pelos próximos dez dias em Bragança Paulista.

Com estreia no Campeonato Paulista agendada para o próximo dia 23, diante do Santo André, a comissão técnica trabalha para colocar os atletas nos 'eixos' após um mês de férias antes de Gilson Kleina definir o esqueleto titular.

Em entrevista ao Portal Futebol Interior, Fabiano Xha, preparador físico, detalhou como os trabalhos são feitos antes da temporada, de fato, iniciar.

Comissão técnica da Ponte trabalha em pré-temporada
Comissão técnica da Ponte trabalha em pré-temporada

"Estamos monitorando as cargas de treinamento e aproximamos muito os setores dentro da Ponte Preta. Ou seja, parte física sempre perto dos fisiologistas e da nutricionista. Todos estão tentando fazer um trabalho para cercar de todos os lados para fazermos melhor preparação, justamente por ter tempo curto. No trabalho físico, nós não vamos conseguir ganhar muito em força", explicou.

"Então, o que nós resolvemos fazer? É tentar, pelo menos, a manutenção desta força. Lógico que é elevar a força neste início pelo fato de os atletas estarem voltando de um tempo parado. Em seguida, é tentar a manutenção da forma. Dentro disso, vamos trabalhar muito em cima de força rápida e aceleração", emendou.

O profissional garante objetivo de aumentar potência dos jogadores para aguentar o início da competição.

"Como não conseguimos ganhar em força pura, eu tenho de aumentar e melhorar a aceleração deles para ganhar em potência. É um ponto que nós estamos batendo em cima para, nesta parte inicial, pelo menos, manter a força e ganhar em potência com eles. A ideia é suportar o maior número de jogos possíveis, evitando lesões", pontuou.

"São quatro jogos nos dez primeiros dias do Estadual. Nós vamos ter 20 dias de preparação até a estreia. Então é um tempo bem apertado. Dentro deste período, não é só a parte física a ser trabalhada. Tenho de melhorar a parte física deles e trabalhar a parte técnica. Nesses 20 dias, o Gilson Kleina ainda tem de encaixar o time para iniciar bem o torneio", arrematou.