Ponte Preta trava 'guerra de braço' com o Juventude por Renato Cajá: 'Não está descartado'

Macaca não desiste de manter o meio-campista, emprestado até 16 de dezembro, na próxima temporada

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 12 (AFI) - A Ponte Preta parece não ter entregado os pontos e mostra-se resistente na briga pela permanência de Renato Cajá em 2020.

A ideia da Macaca é tentar manter o meio-campista, ao menos, no Campeonato Paulista, mas enfrenta negociação implacável junto com o Juventude, dono dos direitos econômicos até dezembro do próximo ano.

"Não está descartada a permanência do Cajá. Ele quer, sim, ficar na Ponte. Tive conversa rápida com o ele. Eu não quis interferi, mas ele tinha manifestado intenção de continuar. Demonstrou isso dentro de campo, mas tem a questão do Juventude", falou o presidente Sebastião Arcanjo, em entrevista à Rádio Bandeirantes de Campinas.

Ponte sonha em manter Renato Cajá para 2020 - Álvaro Júnior / AA Ponte Preta
Ponte sonha em manter Renato Cajá para 2020

"Ele tem contrato lá. O presidente foi transparente comigo na última segunda, no Rio de Janeiro, durante a festa do Brasileirão. A vontade dele é manter o Cajá. Acredito que vamos ter boa briga para ver quem vai ficar com ele", emendou.

LADO GAÚCHO

Responsável por apostar na recuperação da lesão do meio-campista e recolocá-lo em evidência no mercado nacional, o Juventude não abre mão de mantê-lo.

A ideia da diretoria é já tê-lo integrado ao grupo em janeiro para participar da pré-temporada e aprimorar o entrosamento ao longo do Estadual.

Há praticamente um consenso de que a liberação só será viabilizada em caso de venda, o que gira em torno de R$ 2 milhões, segundo especulações da imprensa de Caxias do Sul.

PODE ESQUECER

Em entrevista ao Portal Futebol Interior, o presidente do Papo, Walter Dal Zotto Júnior, garantiu ter avisado ao presidente campineiro sobre chance zero de renovação.

"Encontrei com o presidente da Ponte no Rio. E ele sabe que não iremos reforçar o adversário para jogar conosco na Série B. É um assunto encerrado. Ele tem contrato conosco", resumiu o cartola alviverde.

Contratado na segunda quinzena de setembro junto ao Juventude, Renato Cajá disputou 13 jogos e marcou dois gols nesta edição da Série B com a camisa campineira e encerrou a quinta passagem pelo Moisés Lucarelli em alta.

Mercado da Bola
Ponte Preta-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Guilherme, Ivan, Luan, Pedrão e Ygor Vinhas

  • Laterais

    Guilherme Lazaroni, Jeferson, Matheus Alexandre e Yuri

  • Zagueiros

    Alisson, Cléber Reis, Henrique Trevisan, Léo, Wellington Carvalho

  • Volantes

    Bruno Reis, Camilo, Danrley, Dawhan e Vander

  • Meias

    João Paulo e Vinicius Zanocelo

  • Atacantes

    Alisson Safira, Apodi, Bruno Rodrigues, Felipe Saraiva, João Veras, Mateus Anderson e Roger

  • Técnico

    Gilson Kleina