Roger cutuca torcida do Guarani: "Estão aplaudindo um empate"

O atacante lembrou que faz tempo que o Bugre não ganha um dérbi da Ponte Preta

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 09 (AFI) - Roger teve apenas uma oportunidade ao longo dos 90 minutos e mandou nas mãos de Jefferson Paulino, mas mesmo assim apareceu no dérbi 195. Em entrevista à Rádio Bandeirantes, o atacante da Ponte Preta não perdeu a oportunidade de cutucar a torcida do Guarani.

O camisa 9 elogiou a entrega dos companheiros durante a partida realizada no Brinco de Ouro da Princesa e lamentou a falta de capricho no último passe. Depois, Roger ironizou os aplausos dos bugrinos para o time do Guarani.

Roger teve apenas uma chance ao longo dos 90 minutos (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)
Roger teve apenas uma chance ao longo dos 90 minutos (Foto: Álvaro Jr./Ponte Press)
"Tive uma bola ali. A gente competiu. Se a gente tivesse esse espírito antes talvez a gente estivesse vivo na competição. Foi um jogo de competir e conseguimos. Faltou caprichar na última bola. Mas tá bom. Fico feliz. Eles não ganham há tantos anos e estão aplaudindo o empate", disse Roger.

Com o empate deste sábado, a Macaca ampliou para seis jogos de invencibilidade diante do seu maior rival, com quatro vitórias e dois empates. A última derrota foi no dia 29 de abril de 2012, na semifinal do Campeonato Paulista. São mais de sete anos de jejum do lado bugrino.

Vale lembrar que no dérbi do primeiro turno, quando a Ponte Preta ganhou por 1 a 0, no Moisés Lucarelli, Roger subiu no alambrado com uma galinha de borracha na boca e fez a festa com a torcida alvinegra. Nas redes sociais, o atacante também provocou o rival.

Sem maiores pretensões no campeonato, a Ponte Preta chegou aos 44 pontos e está no meio da tabela de classificação. Na terça-feira, a Macaca recebe o Figueirense, no Moisés Lucarelli, pela 35ª rodada.