Série B: Novo cartolão da Ponte extingue Sub-23 e demite coordenadores

A categoria havia sido criada pelo ex-diretor de marketing Eric Silveira, que teve seu nome envolvido em denúncias de irregularidade

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 06 (AFI) - Nem assumiu oficialmente a presidência da Ponte Preta no lugar de José Armando Abdalla, que renunciou ao cargo na última terça-feira, e Sebastião Arcanjo, o Tiãozinho, já deu uma vassourada no Majestoso. O novo cartolão da Macaca extinguiu o Sub-23, demitiu na base Fábio Barrozo e Marcelinho Paulista, além de nomear no final da noite o engenheiro civil Fábio Abdalla como Diretor Financeiro.

Fábio Abdalla: diretor financeiro
Fábio Abdalla: diretor financeiro
No período da manhã, como já era esperado, os diretores que foram nomeados por José Armando Abdalla protocolaram um documento no clube colocando seus cargos à disposição. O único que continua é o diretor da base Jaime Tadao Maruyama.

CARGOS ENTREGUES
Assim não fazem mais parte da diretoria alvinegra:

Gustavo Garcia Valio (1º Diretor Financeiro),
Rafael de Souza (2º Diretor Financeiro),
André Luiz Carelli Nunes (Diretor Social),
Cláudio Roberto Cabrini Simões (Diretor Médico),
Márcio Roberto Pagano (Diretor de Patrimônio),
Josué Alves da Cunha Júnior (Primeiro Secretário),
Giuliano Guerreiro Ghailardi (Diretor Jurídico) e
Angel Fuentes (Diretor Administrativo).

Sebastião Arcanjo iniciou as mudanças na Ponte Preta (Foto: Site Oficial Ponte Preta)
Sebastião Arcanjo iniciou as mudanças na Ponte Preta (Foto: Site Oficial Ponte Preta)

NOVO FINANCEIRO
Os substitutos serão nomeados por Sebastião Arcanjo na próxima segunda-feira.

O novo presidente, porém, já determinou de imediato a nomeação do advogado David Martins como interino no cargo de Diretor Financeiro.

No final da noite, porém, já confirmou a efetivação no cargo de Fábio Abdalla, que não tem parentesco com o ex-presidente Armando Abdalla, mas sim com Sérgio Abdalla, ex-presidente nos anos 70.

EX-PATRIMÔNIO
Ele já ocupou o cargo de Diretor de Patrimônio durante a gestão do ex-presidente Vanderlei Pereira. Além disso, em 2014, passou a trabalhar mais próximo à Base da Ponte Preta, da qual viria também a ser diretor em 2018.

A indicação do Deretor Financeiro é mais urgente porque, estatutariamente, os compromissos financeiros do clube só podem ser honrados mediante assinatura do presidente e do diretor financeiro. Por esta razão chegou a ser anunciado um diretor interino enquanto era aguardada a confirmação dada agora de noite por Fábio Abdalla.

MAIS MUDANÇAS!
Além disso, Sebastião Arcanjo anunciou a extinção do time Sub-23, que foi criado pelo ex-diretor financeiro Eric Silveira, que teve seu nome envolvido na semana passada em denúncias de irregularidades.

Contratados no início do ano pela antiga diretoria, o coordenador das categorias de base, Fábio Barrozo, e o coordenador técnico das categorias de base, Marcelinho Paulista, foram dispensados.

FORA DO ESTATUTO
Ao anunciar a extinção, Sebastião Arcanjo disse o time Sub-23 foi "criado sem a existência de previsão estatutária, apresenta inviabilidade financeira e deu retorno pífio" ao clube.

E o novo mandatário tem razão em criticar os números apresentados pela categoria. O time conseguiu terminar com as piores campanhas das duas competições que disputou: Brasileiro de Aspirantes e Copa Paulista.