Série B: Suspensão de Henrique Trevisan abre brecha para volta de Diego Renan na Ponte

Reserva nos três últimos jogos, lateral deve ser a escolha de Kleina para o embate frente o Londrina

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 07 (AFI) - Após repetir a escalação por três rodadas consecutivas na Série B do Campeonato Brasileiro, Gilson Kleina será obrigado a promover mudanças no time titular da Ponte Preta para enfrentar o Londrina, nesta terça-feira, às 21h30, no Estádio Moisés Lucarelli.

O treinador não conta com o zagueiro Henrique Trevisan, utilizado como lateral-esquerdo, em virtude de suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

A ausência do atleta, aliás, abre brecha para brecha para o retorno de Diego Renan ao time titular.

Diego Renan deve ser a escolha de Gilson Kleina para a lateral-esquerda - Álvaro Júnior / PontePress
Diego Renan deve ser a escolha de Gilson Kleina para a lateral-esquerda

O polivalente, absoluto com o ex-técnico Jorginho, foi reserva nos três últimos jogos e não entra em campo desde a derrota para o Operário, em Ponta Grossa, quando perdeu a posição na escala de Kleina.

Enquanto perde Trevisan e tem a incerteza em cima de Renato Cajá, até pelo aspecto físico, a comissão técnica da Macaca pode contar com até cinco 'reforços' na próxima rodada.

Além de Ángelo Araos, reforço oficializado na última semana, à espera de regularização no Boletim Informativo Diário (BID), Rafael Longuine, Matheus Marcondele, Marquinhos e Tiago Marques podem ser relacionados.

O quarteto, aliás, foi liberado pelo Departamento Médico após lesão e dependem da condição física para ir à concentração.

CENÁRIO

Com apenas uma vitória nas seis últimas rodadas na Série B, a possibilidade de acesso despencou para 6.4%, de acordo com o 'Chance de Gol'.

A distância em relação ao Botafogo, primeiro integrante do G4 e algoz na rodada anterior, é de quatro pontos.