Série B: Jogadores da Ponte Preta admitem fraca atuação em derrota vergonhosa

A Macaca sofreu três gols logo no primeiro tempo e ficou ainda mais distante do G4 do campeonato

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 05 (AFI) - A Ponte Preta teve uma atuação abaixo da crítica e perdeu de forma vergonhosa para o Botafogo, por 4 a 1, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pela 26ª rodada da Série B do Brasileiro. Até por isso, poucos jogadores quiseram falar com a imprensa após a partida.

O volante Lucas Mineiro, que não conseguiu repetir as boas atuações desde seu retorno e foi substituído por Camilo no início do segundo tempo, admitiu que a Macaca entrou em campo "desatenta e mole", mas pregou recuperação já na terça-feira, quando o time recebe o Londrina.

A Ponte Preta passou vergonha na manhã deste sábado em Ribeirão Preto (Foto: Thiago Toledo/Ponte Press)
A Ponte Preta passou vergonha na manhã deste sábado em Ribeirão Preto (Foto: Thiago Toledo/Ponte Press)
"Entramos desatentos, meio mole, e não podemos dar esse vacilo. Estamos brigando por algo muito grande que é o acesso e temos que entrar forte em todos os jogos. Mas não adianta lamentar. Temos agora um jogo dentro de casa e precisamos vencer", disse Lucas Mineiro.

Ivan, que fez sua última partida antes de se apresentar a seleção brasileira pré-olímpica, estava bastante chateado pela derrota. O goleiro, porém, não quis admitir que falhou em dois gols do Botafogo quando tentou ir com o pé em finalizações cruzadas.

"Desde que estou aqui foi o resultado que mais me doeu. Nunca havia tomado quatro gols em uma partida. Agora temos poucos dias já para o próximo jogo e precisamos nos recuperar", afirmou o camisa 1.

Na décima colocação e correndo o risco de cair para o 11º lugar até o encerramento da rodada, a Ponte Preta tem 35 pontos e volta a campo na terça-feira, contra o Londrina, às 21h30, no Moisés Lucarelli, em Campinas, pela 27ª rodada da Série B.