Série B: Com apenas um jogo na Ponte, volante retorna em definitivo ao Corinthians

Guilherme Mantuan participou de apenas um jogo com a camisa da Macaca em toda a temporada

por Lucas Rossafa

Campinas, SP, 20 (AFI) - Com apenas 13 minutos jogados em quase dez meses, Guilherme Mantuan não é mais jogador da Ponte Preta.

Após entendimento com o Corinthians, dono dos direitos econômicos, Macaca acertou rescisão do atleta, emprestado sem custos, para retornar a São Paulo em definitivo.

O volante está em tratamento de lesão muscular na coxa e vai concluir os cuidados necessários para restabelecimento e protocolos de transição na tentativa voltar a jogar no time da capital.

Desta forma, Mantuan fecha sua 'passagem' por Campinas com apenas uma partida oficial - participou de parte do segundo tempo na vitória em cima do Oeste, por 3 a 2, em 12 de julho, no Estádio Moisés Lucarelli, em duelo válido pela Série B do Campeonato Brasileiro.

Mantuan rescinde empréstimo com a Ponte Preta e retorna ao Corinthians - Álvaro Júnior / PontePress
Mantuan rescinde empréstimo com a Ponte Preta e retorna ao Corinthians

MARTÍRIO

O jogador sofre de problemas físicos desde que chegou ao Majestoso, em janeiro. Ele foi detectado com desequilíbrio muscular e, em março, voltou ao Timão para finalizar a recuperação.

Na época, o problema foi acentuado depois de cirurgia para correção de desvio no nariz em 05 de dezembro, quando ficou fora de atividade por 30 dias e se alimentou à base de sopa e sorvete por três semanas, o que culminou em perda de massa muscular, força e potência.

De volta à Ponte Preta, esperava-se que ganhasse sequência após a pausa para a Copa América, mas sofreu nova contusão na véspera do jogo contra o Bragantino, quando tinha possibilidade de ser titular, e perdeu ainda mais espaço.

Mantuan tem contrato com o Corinthians até o final de 2020 e dificilmente deve voltar a jogar nesta temporada.

Mercado da Bola
Ponte Preta-SP
Elenco ainda não definido
  • Goleiros

    Guilherme, Ivan, Luan, Pedrão e Ygor Vinhas

  • Laterais

    Guilherme Lazaroni, Jeferson, Matheus Alexandre e Yuri

  • Zagueiros

    Alisson, Cléber Reis, Henrique Trevisan, Léo, Wellington Carvalho

  • Volantes

    Bruno Reis, Camilo, Danrley, Dawhan e Vander

  • Meias

    João Paulo e Vinicius Zanocelo

  • Atacantes

    Alisson Safira, Apodi, Bruno Rodrigues, Felipe Saraiva, João Veras, Mateus Anderson e Roger

  • Técnico

    Gilson Kleina