Ivan compara emoção do título com a Seleção à estreia na Ponte Preta

Apesar da volta ao Brasil, o goleiro ainda tem um tempinho para descansar antes de voltar ao trabalho

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 16 (AFI) – Aos poucos, Ivan está cravando seu nome no coração dos torcedores da Ponte Preta. Campeão do Torneio de Toulon com a Seleção Brasileira Olímpica e herói da final, ao defender a última cobrança de pênalti após o empate em 1 a 1 com o Japão, o goleiro fez questão de exaltar a conquista e relembrou a sua estreia no time profissional da Macaca, quando também defendeu uma penalidade.

“Foi tão especial quanto minha estreia pela Ponte Preta contra o Corinthians quando peguei o pênalti do Jadson. A felicidade e a grandeza foram as mesmas e estou feliz demais por levar esse caneco para o Brasil”, pontuou o goleiro, que completou: “Agora é aproveitar um pouco o titulo, que conquistamos. Tanto nosso grupo na Seleção quanto todos os brasileiros merecem.”.

Ivan compara emoção do título com a Seleção à estreia na Ponte Preta. Foto: FernandoTorres/CBF
Ivan compara emoção do título com a Seleção à estreia na Ponte Preta. Foto: FernandoTorres/CBF

“A ficha não caiu ainda. Estou muito feliz por ter ajudado o Brasil a conquistar esse título e pensar que na minha primeira convocação pude ajudar a Seleção Brasileira, chegar numa final representando meu país e ainda ter pego um pênalti... é incrível”, completou o atleta, que já está a caminho para São Paulo, onde o voo do time canarinho está previsto para aterrissar no aeroporto de Guarulhos às 5 da manhã de segunda-feira (17).

Ivan agora sonha com uma nova convocação, para defender a seleção no torneio pré-Olímpico em janeiro de 2020, que vale vaga para as Olimpíadas de Tóquio. “A conquista do Torneio de Toulon é um passo importante visando às pré-olimpíadas no ano que vem, espero poder voltar a ser convocado . Enquanto isso farei meu melhor pela Ponte Preta e espero poder voltar a defender a camisa amarela”, afirma.

Apesar da volta ao Brasil, o goleiro ainda tem um tempinho para descansar antes de voltar ao trabalho com a Ponte Preta, já que por causa da pausa pela Copa América o elenco recebeu folga até 24 de junho, quando retoma os treinos. Na quarta posição da Série B, a Macaca a reestréia no final de semana de 13 de julho contra o Oeste no Moisés Lucarelli.