Ponte Preta 4 x 2 Paraná - Roger marca e Macaca vence "jogo maluco"

A partida no Moisés Lucarelli neste sábado teve duas viradas e três golaços

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 25 (AFI) - Em um jogo com duas viradas e três golaços, a Ponte Preta emplacou a segunda vitória seguida no Campeonato Brasileiro da Série B ao passar pelo Paraná neste sábado, por 4 a 2, no Estádio Moisés Lucarelli, pela quinta rodada.

Em sua reestreia com a camisa da Ponte Preta, Roger teve uma atuação de destaque e marcou um bonito gol no segundo tempo. Antes, o camisa 9 havia acertado o travessão de Thiago Rodrigues.

A Ponte Preta chegou aos mesmos oito pontos de Coritiba e Cuiabá, encostando no G4. Por outro lado, o Paraná conheceu sua primeira derrota no campeonato e estacionou nos seis pontos.


RÁDIO FI E CIDADE

O jogo foi transmitido ao vivo pela Rádio Futebol Interior em cadeia com a Rádio Cidade AM 670, de Curitiba.

QUE JOGÃO
Logo aos dois minutos, Renan Fonseca lançou, Roger ajeitou de cabeça e Matheus Vargas bateu nas mãos de Thiago Rodrigues. A resposta do Paraná veio na sequência. Rodolfo finalizou rasteiro e Ivan foi buscar no cantinho.

Aos 21, Abner foi até a linha de fundo e Roger só não marcou na sua reestreia porque a cabeçada parou no travessão. A zaga tricolor afastou para escanteio. Na cobrança de Gerson Magrão, Edson desviou de cabeça na primeira trave e abriu o placar para a Ponte Preta.

GRANDE DEFESA
Na sequência, Marcondele finalizou rasteiro e Thiago Rodrigues espalmou. Aos 33, Roger bateu colocado e o goleiro tricolor mandou para escanteio. O Paraná assustou em chute cruzado de Guilherme Santos. A bola bateu na trave, mas Ivan já estava nela.

Um apagão da Ponte Preta permitiu a virada tricolor em apenas três minutos. Renan Fonseca cortou mal e entregou a bola nos pés de João Pedro, que dominou e bateu no cantinho aos 36. Logo depois, o meia marcou um golaço ao mandar de primeira no ângulo de Ivan.

Roger e Marquinhos marcaram dois dos quatro gols da Ponte Preta sobre o Paraná (Foto: Alvaro Jr./Ponte Press)
Roger e Marquinhos marcaram dois dos quatro gols da Ponte Preta sobre o Paraná (Foto: Alvaro Jr./Ponte Press)

VIRADA DA MACACA
Pressionada, a Macaca chegou com perigo aos seis minutos do segundo tempo. Matheus Vargas cobrou falta venenosa e Thiago Rodrigues espalmou. Os jogadores pontepretanos mostravam nervosismo em campo e não conseguiam acertar o último passe.

Aos 15, Marquinhos passou por Eder Sciola e bateu cruzado. A bola passou rente a trave. Quatro minutos depois, Roger cabeceou com perigo. De tanto pressionar, a Ponte Preta finalmente chegou ao empate aos 21 minutos.

BOMBA DE PRIMEIRA
Após cruzamento, Longuine deu um leve desvio e Roger soltou a bomba de primeira, marcando na sua reestreia. A virada alvinegra veio aos 28. De longa distância, Abner chutou bonito e mandou no ângulo de Thiago Rodrigues.

No minuto seguinte, Jenison desperdiçou uma chance incrível dentro da pequena área. E quase que a Ponte mata o jogo no contra-ataque. Longuine desceu em velocidade e passou para Roger, que chutou em cima do goleiro tricolor. Aos 47, Marquinhos não desperdiçou e liquidou a fatura.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela sexta rodada. A Ponte Preta enfrenta o Cuiabá, às 19 horas, na Arena Pantanal, em Cuiabá, enquanto o Paraná recebe o Oeste, às 11 horas, na Vila Capanema, em Curitiba.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
5ª rodada
Data
25/05/2019
Horário
16h30
Local
Moisés Lucarelli - Campinas (SP)
Árbitro
Caio Max Augusto Vieira (RN)

Renda
R$ 40.055,00
Assistentes
Jean Márcio dos Santos (RN) e Flávio Gomes Barroca (RN)

Público
4.112 pagantes (4.663 total)
Cartões Amarelos
Ponte Preta-SP: Roger, Abner, Edson, Gerson Magrão, Ivan
Paraná-PR: Eder Sciola, Jenison

Gols
Ponte Preta-SP: Edson 22' 1T, Roger 21' 2T, Abner 28' 2T, Marquinhos 46' 2T
Paraná-PR: João Pedro 36' 1T, João Pedro 39' 1T
Ponte Preta-SP
Ivan;
Matheus Alexandre, Renan Fonseca, Airton e Abner;
Edson, Camilo (Rafael Longuine), Gerson Magrão e Matheus Vargas (Dadá);
Marcondele (Marquinhos) e Roger.
Técnico: Jorginho
Paraná-PR
Thiago Rodrigues;
Éder Sciola, Eduardo Bauermann, Rodolfo e Guilherme Santos;
Luiz Otávio, Itaqui (Caio Rangel), João Pedro (Fernando Neto) e Matheus Anjos;
Jenison e Ramon (Alesson).
Técnico: Matheus Costa