Lateral que subiu com o Avaí pode ir parar a Ponte Preta

Capa perdeu espaço no Leão da Ilha na reta final da Série B e interessa a Macaca

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 29 (AFI) - A Ponte Preta aguarda uma resposta de Gilson Kleina nesta sexta-feira, mas mesmo assim já iniciou a busca por reforços para a próxima temporada. E um jogador que interessa é o lateral-esquerdo Capa, que subiu com o Avaí.

Na partida decisiva que sacramentou o acesso do Leão da Ilha à elite e a permanência da Ponte Preta na Série B, Capa não esteve em campo, pois havia sido expulso na vitória sobre o CSA, na rodada anterior. E teria sido em Florianópolis que surgiram as primeiras sondagens.

O lateral-esquerdo Capa pode trocar o Avaí pela Ponte Preta na próxima temporada
O lateral-esquerdo Capa pode trocar o Avaí pela Ponte Preta na próxima temporada
O principal empecilho é a questão financeira. Isso porque Capa tem contrato com o Avaí até dezembro de 2019 e a diretoria leonina só o liberaria mediante a uma compensação financeira. Não está descartado, porém, um empréstimo.

A diretoria está em busca de reforços porque o elenco pontepretano vai passar por uma grande reformulação e ainda não tem nenhum lateral-esquerdo garantido para 2019. Isso porque Danilo Barcelos e Nicolas foram emprestados por Atlético-MG e Atlético-MG até o fim da Série B.

SOBRE ELE
Edson Carlos Santos Lima Júnior tem 25 anos e é natural de Serrinha-BA. Revelado no Grêmio Osasco, o lateral passou por Marcílio Dias, Atlético Aichinger, Guarani-SC e Operário Ferroviário até chegar ao Avaí em 2016.

Depois de ser um dos poucos destaques no rebaixamento do Leão para a Série B em 2017, Capa foi emprestado ao Sport no primeiro semestre deste ano, mas não teve oportunidades e voltou ao Avaí, onde fez 34 jogos e marcou dois gols. O lateral perdeu vaga entre os titulares para Igor Fernandes ao longo do Brasileiro.

 
 
" />