Paulistão: Gustavo Bueno se mostra otimista em acerto com Luis Fabiano

O atacante viajou essa semana para a China na tentativa de rescindir seu contrato

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 10 (AFI) - Se conseguir rescindir seu contrato com o Tianjin Quanjian-CHN, Luis Fabiano deve mesmo acertar seu retorno para a Ponte Preta. Em entrevista coletiva realizada na última segunda-feira, na reapresentação do elenco, o gerente de futebol Gustavo Bueno falou sobre a situação envolvendo o experiente atacante e se mostrou otimista com um desfecho positivo.

Luis Fabiano viajou essa semana para a China na tentativa de rescindir seu contrato, que foi renovado automaticamente após o acesso do Tianjin Quanjian à elite. De acordo com o atacante, porém, existe um acordo apalavrado para que ele possa voltar ao Brasil. Se isso realmente acontecer, ele fica livre. Ponte Preta e Vasco da Gama são os principais interessados em seu futebol depois da desistência do Santos.

"Em nenhum momento o Luis Fabiano tocou na situação financeira como limitador para a vinda para a Ponte. Sempre disse que tinha de resolver a questão na China e que tinha uma vontade muito grande para voltar e retribuir tudo o que a Ponte fez para ele. Ele quer voltar com objetivo, não simplesmente para encerrar carreira. Mas tem de aguarda a situação da China", disse Gustavo Bueno.

Luis Fabiano aguarda a liberação na China para decidir se volta ou não para a Ponte
Luis Fabiano aguarda a liberação na China para decidir se volta ou não para a Ponte
No final do ano passado, sabendo do desejo do jogador em voltar ao Brasil, a Ponte Preta fez uma proposta de dois anos - um a mais que os outros clubes -, mas os valores não foram divulgados. O presidente Vanderlei Pereira disse que o teto salarial da Macaca vai ser de R$ 100 mil, mas existe a possibilidade de empresários pagarem a mais para o atacante.

"Falamos outras duas ou três vezes por telefone e ele disse para mim: Gustavo, vou resolver minha situação na China e aí a prioridade é da Ponte Preta", finalizou o dirigente pontepretano, que se reuniu recentemente com Luis Fabiano. O encontro teve as presenças também do presidente de honra Sérgio Carnielli e de Vanderlei Pereira.

Revelado nas categorias de base da Ponte Preta, Luis Fabiano subiu ao profissional em 1998 e ajudou o time a voltar à elite do Campeonato Paulista no mesmo ano. Se transferiu para o Rennes-FRA em 2001 e desde então sempre deixou claro o desejo de voltar e encerrar a carreira na Macaca, apesar de ter criado uma forte indentificação com o São Paulo, clube que defendeu durante nove anos. Foram três passagens pelo Tricolor, onde se tornou ídolo.

Hoje com 36 anos, o atacante acumula passagens também por Porto-POR, Sevilla-ESP e Tianjin Quanjian-CHN. Luis Fabiano se transferiu para a China no início de 2016 e ajudou o clube a conquistar o acesso à elite do Campeonato Chinês, sendo o artilheiro da Segunda Divisão, com 23 gols.

aaa