Série B: Decepção, Léo Cittadini deixa a Ponte Preta e volta ao Santos depois de seis meses

O meia de 20 anos rescindiu o seu contrato e retorna para o Santos

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 07 (AFI) – Contratado por empréstimo para ser o camisa 10 da Ponte Preta durante a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B, o meia Léo Cittadini retornará ao Santos após seis meses no clube campineiro. Sem espaço após não vingar com a camisa da Macaca, ele ficou fora dos relacionados nos últimos jogos e teve o seu contrato rescindido.

Léo Cittadini não convenceu defendendo a Ponte Preta
Léo Cittadini não convenceu defendendo a Ponte Preta

Cria das categorias de base do Guarani, Léo Cittadini acabou se transferindo para o Santos ainda em 2012 para integrar o time sub-20 em uma manobra do então presidente do Bugre, Marcelo Mingone. Até hoje dirigentes do clube campineiro dizem não saber para onde foi o dinheiro da transação.

Depois de ganhar a Copa Paulista daquele ano pelo Peixe, o meia acabou valorizado e ficou cotado para subir para o time profissional. Sem muitas chances, acabou ficando encostado até ser emprestado para a Ponte Preta neste ano.

Na Ponte, entretanto, Léo Cittadini seguiu sem vingar. Na época que o time foi comandado por Dado Cavalcanti, ele chegou a ser titular, na vaga de Adrianinho, mas acabou decepcionando. Com a chegda de Renato Cajá, perdeu o espaço de vez.

Com a rescisão contratual com a Ponte Preta, o meia retorna para o Santos, clube que tem contrato até dezembro de 2018 com o jogador. Com o fim da janela de transferências nas Séries A e B, há a opção apenas de emprestá-lo para clubes que disputam a Série C do Campeonato Brasileiro ou competições regionais, caso da Copa Paulista.

 
 
" />