Piauiense: Paulinho Kobayashi minimiza vantagem e pede atenção no Altos

Como tem melhor campanha, Jacaré pode voltar a empatar com o Ríver para ficar com o inédito bicampeonato

por Agência Futebol Interior

Altos, PI, 13 (AFI) - O Altos está a um empate do inédito bicampeonato no Estadual Piauiense. Mas engana-se que o Jacaré entrará acomodado para encarar o Ríver. O técnico Paulinho Kobayashi (foto) não quer saber de falar em vantagem. Ele quer o time concentrado e pronto para jogar futebol no próximo domingo, às 16 horas, no Estádio Felipão.

"Essa vantagem, de fato, só existe quando o juiz apita o final de jogo. Jogar por empate, eu não vejo vantagem. Temos exemplos disso no futebol (de que não funciona). A Juventus estava ganhando de 3 a 0, faltava segundos, e tomou o gol. Então, se tiver empatado e tomar um gol, faltando segundos, não dá tempo para reagir, e você então pode perder o título. Temos que jogar futebol", comentou o comandante.

Como empatou o primeiro jogo e tem melhor campanha, o Altos será campeão com novo empate, além de poder decidir em casa. E isso, sim, anima o treinador. Paulinho Kobayashi confia na força da torcida para o jogo de volta.

"Essa é a vantagem, ter o torcedor tão próximo. Essa proximidade da torcida com o time foi fundamental na semifinal, podemos sentir essa energia. Peço que continue assim, para conseguir alcançar o objetivo", finalizou.