Luto! Após ser diagnosticado com covid-19, morre europeu que participou de duas Copas

Ilija Petkovic representou a Iugoslávia, em 1974, e comandou a Sérvia e Montenegro, em 2006

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 28 (AFI) - O futebol europeu está de luto. Afinal de contas, morreu, neste domingo, aos 74 anos, Ilija Petkovic. Ele fora diagnosticado com covid-19, o novo coronavírus, em junho, e teve complicações decorrentes de uma úlcera de estômago, de acordo com o jornal francês L'Equipe.

Ilija Petkovic comandou a Sérvia e Montenegro na Copa do Mundo de 2006 - Foto: Divulgação / Fifa
Ilija Petkovic comandou a Sérvia e Montenegro na Copa do Mundo de 2006 - Foto: Divulgação / Fifa
Ilija Petkovic disputou a Copa do Mundo de 1974, na Alemanha Ocidental, pela Seleção da Iugoslávia, país que, durante o final do Século XX e o começo dos anos 2000, se desmembrou em Bósnia e Herzegovina, Croácia, Eslovênia, Kosovo, Macedônia do Norte, Montenegro e Sérvia.

Já como treinador, ele comandou, na Copa do Mundo de 2006, novamente na Alemanha - dessa vez, já unificada após a dissolução do bloco comunista na Europa -, a Sérvia e Montenegro, país que surgiu com o que restou da Iugoslávia, em 2003.

Ilija Petkovic esteve com a Iugoslávia na Copa do Mundo de 1974 - Foto: Divulgação / Fifa
Ilija Petkovic esteve com a Iugoslávia na Copa do Mundo de 1974 - Foto: Divulgação / Fifa
Em maio de 2006, cabe destacar, os montenegrinos optaram pela independência em plebiscito. Ilija Petkovic era pai do ex-jogador Dusan Petkovic, que atuou por clubes como Wolfsburg e Spartak Moscou e, em 2006, optou por não ir ao Mundial da Alemanha por conta do parentesco.

Ilija Petkovic ainda presidia o OFK Belgrado, pelo qual atuou entre 1964 e 1983 - entre 1973 e 1976, porém, passou pelo francês Troyes.