Revelado no CRB e artilheiro pelo Vasco, ex-atacante Valdiram vira morador de rua

Atualmente com 35 anos, o ex-atacante é bastante conhecido em Bonsucesso

por Agência Futebol Interior

Maceió, AL, 08 (AFI) - Revelado nas categorias de base do CRB, o ex-atacante Valdiram, natural de Canhotinho, no interior de Pernambuco, vive mais um drama em sua vida. O jogador foi encontrado no início desta semana dormindo na rua, mais precisamente embaixo de uma marquise de um supermercado falido em Bonsucesso, no Rio de Janeiro.

Além do CRB, Valdiram também jogou no futebol português e no Vasco da Gama, onde foi inclusive artilheiro da Copa do Brasil em 2006. Alguns anos depois, atuou no CSA, entre outras equipes do futebol brasileiro.

Atualmente com 35 anos, o ex-atacante é bastante conhecido em Bonsucesso. Não só pelo que fez quando atuou pelo Vasco, mas pela sua rotina como morador de rua, que sem trabalho está vivendo de doações.

Valdiram também acumula em sua vida alguns fatos complicados. Foi acusado de estuprar uma mulher na Praia de Pajuçara, em Maceió, quando atuava pelo CRB, depois chegou a ser preso por envolvimento com drogas e ainda chegou a fazer alguns tratamentos devido ao alcoolismo, no entanto, obteve várias recaídas e nunca conseguiu se livrar por completo dos vícios que o fizeram deixar nesta situação deplorável.

Valdiram está vivendo na rua
Valdiram está vivendo na rua
VOLTA AO PASSADO!
Por telefone, a reportagem entrou em contato com Manoel Nascimento, que há época era o diretor das categorias de base do CRB e o principal responsável por profissionalizar o então atleta.

“Certo dia eu estava no clube, quando fui procurado por um torcedor/conselheiro, pedindo para trazer um garoto da cidade de Canhotinho para participar de um período de teste. Logo percebemos a qualidade dele. Na ocasião, o CRB tinha responsável pelo profissional um diretor por nome de Jair Rabelo, que não quis profissionalizar o Valdiram. Eu sabendo que ele tinha potencial, fui direto ao treinador Ademir Fonseca, falei do atleta e ele o convocou e pediu a profissionalização dele” comentou o ex-diretor.

“Tudo isso aconteceu naquele período da Copa João Havelange, que nós também revelamos o lateral-esquerdo Belchior, o atacante Marcinho, entre outros”, emendou Manoel Nascimento.

O último clube que Valdiram tentou se firmar foi o Bonsucesso, no subúrbio do Rio de Janeiro, mas não conseguiu vencer suas recaídas e terminou não tendo uma sequência.

*Por Eduardo Cardeal,

 
 
" />