Série C: Treinador do Paysandu comemora invencibilidade e posição no G4

O treinador, que havia estreado com um empate diante do Manaus-AM em 1 a 1, comemorou muito a grande vitória sobre o Jacuipense

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 09 - O Paysandu conquistou uma importante vitória neste domingo, diante do Jacuipense, por 1 a 0, em pleno Estádio de Pituaçu e com o resultado o Papão pulou da sétima posição e pela primeira vez na competição entrou no G4.

VITÓRIA IMPORTANTE

Com gol de Uillian Barros de pênalti nos acréscimos do primeiro tempo, o técnico João Brigatti conquistou sua primeira vitória em sua volta ao Papão e colocou a equipe no G4 da competição. O treinador, que havia estreado com um empate diante do Manaus-AM em 1 a 1, comemorou muito a grande vitória sobre o Jacuipense.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Uma vitória de guerreiros todos estão de parabéns por esta conquista, foi um time que jogou com determinação ralou a bunda no chão, foi uma vitória fantástica que nos coloca no G4 e aí que temos de permanecer", disse o treinador.

FOCO TOTAL

O treinador se mantém invicto no comando do Paysandu desde a sua primeira passagem em 2019 e agora já soma 10 jogos de invencibilidade, com seis vitórias e quatro empates e tem como primeiro objetivo a classificação. Na próxima rodada, o Papão terá pela frente o lanterna da competição, Imperatriz, que já está rebaixado para Série D, além de ser o clube que mais gols levou na competição.

“Fico muito contente com a respostas que os jogadores estão dando e temos objetivo de buscar a classificação o quanto antes e vamos para mais uma batalha fora de casa diante de uma equipe que não realiza boa campanha, mas futebol temos que estar sempre concentrados e focados mesmo que o adversário esteja eliminado da competição”, disse João Brigatti.

O Papão fará sua segunda partida consecutiva jogando fora de casa e na próxima rodada vai a Imperatriz, no Maranhão enfrentar o rebaixado Imperatriz e depois na sequência fará dois jogos em casa diante do Ferroviário-CE e Botafogo em clássico na última rodada diante do Remo.