Após pronunciamento, Paysandu pede 'fiquem em casa'; Remo faz crítica, mas apaga

Em um vídeo, Hélio dos Anjos que está no grupo de risco da doença por conta de sua idade, mandou uma mensagem especial para os idosos

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 25 (AFI) - Os ânimos de todos os brasileiros já estão à flor da pele por conta do crescimento da pandemia do novo coronavírus e ficaram mais exaltados após o pronunciamento do Presidente da República Jair Bolsonaro que falou em 'vida normal'. De qualquer forma, diversos clubes vieram a público pedir para que as pessoas sigam em casa como forma de combate a doença.

O Paysandu não ficou de fora e manteve o pedido para que os torcedores bicolores sigam em quarentena. Em um vídeo, divulgado nas redes sociais, o técnico Hélio dos Anjos que está no grupo de risco da doença por conta de sua idade, mandou uma mensagem especial para os idosos.

Após pronunciamento, Paysandu pede 'fiquem em casa'; Remo faz crítica, mas apaga
Após pronunciamento, Paysandu pede 'fiquem em casa'; Remo faz crítica, mas apaga
"Queridos amigos, em especial os velhinhos bicolores. Nós somos do grupo de risco, estou isolado em casa desde quinta-feira, tenho uma preocupação muito grande com todos vocês. E peço, encarecidamente, que obedeçam os seus filhos, seus netos, sua família, eles verdadeiramente gostam da gente. Nós precisamos ficar isolados, nos proteger da melhor forma possível".

CONFIRA A POSTAGEM

Espaço incorporado por HTML (embed)

EITA ATRÁS DE EITA
O Remo por sua vez, também usou as redes sociais e ainda cutucou a fala do presidente da república, enfatizando que o novo coronavírus era uma doença séria e não uma 'gripezinha'. Porém horas depois da postagem no Twitter, a publicação foi apagada e a diretoria do Leão, por meio de sua assessoria de imprensa, não quis falar do assunto.