Chororô, brega e 'Remo morto': Paysandu provoca após eliminar rival na Copa Verde

Time bicolor levou a melhor nas semifinais da Copa Verde e não perdeu a oportunidade de provocar os remistas

por Agência Futebol Interior

Foto: Jorge Luiz / Paysandu
Foto: Jorge Luiz / Paysandu
Belém, PA, 07 (AFI) - Eliminar o rival sempre tem aquele gosto especial, ainda mais em um ano com tantos confrontos, como foi o caso o Re-Pa em 2019. No último embate entre os rivais na temporada, o Paysandu eliminou o Remo da Copa Verde, com uma vitória por 3 a 1, e vai disputar o título do torneio. A comemoração, é claro, veio acompanhada de muitas provocações.

Ainda no gramado, Hygor Silva comemorou um dos gols com o gesto do “chororô”. Depois, já nos vestiários, os jogadores cantaram “Um minuto de silêncio para o Remo que está morto”, conforme é possível ver em um vídeo publicado nas redes oficiais do clube.

Espaço incorporado por HTML (embed)

O canto foi uma resposta aos remistas, que fizeram o mesmo quando foram campeões paraenses em cima do rival, no primeiro semestre. "Um minuto de silêncio à mucura que está morta”, bradaram os jogadores do Leão na oportunidade.

Ainda nas redes sociais, a página oficial do Paysandu no twitter não cansou de fazer postagens provocando o Remo. Uma das brincadeiras foi o compartilhamento da música Don’t Cry (Não chore), do cantor brega Marcelo Wall.

Espaço incorporado por HTML (embed)

Espaço incorporado por HTML (embed)