Série C: 'Jogo mais importante da minha vida', diz técnico do Paysandu antes do Re-Pa

No domingo, às 18h, dupla paraense se encontra no Mangueirão, em Belém (PA), para a última rodada da primeira fase

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 21 (AFI) - Paysandu e Remo farão, no próximo domingo, 25, um dos mais importantes Re-Pa da história. Às 18h, a dupla paraense se encontra no Mangueirão, em Belém (PA), para a última rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C. O técnico do Papão da Curuzu, Hélio dos Anjos, projetou o Clássico Rei da Amazônia.

"Eu participei de Gre-Nal, Vila Nova e Atlético-GO, Sport e Náutico. Mas esse jogo é de dimensão emocional das maiores possíveis em termos de clássicos regionais. Eu não tenho projeção nenhuma e não conversar e nem falar nada com meus jogadores com projeção de resultados alheios", afirmou em entrevista coletiva nesta terça-feira, após a classificação para as quartas de final da Copa Verde.

"Resultado do Juventude com o Ypiranga, do Volta Redonda com o São José, não está sob o nosso controle. Nosso controle é jogar bem porque pode por tudo a perder. Nós vamos vivenciar da melhor maneira e ser o mais profissional possível. É o jogo mais importante da minha vida", prosseguiu o comandante bicolor.

Hélio dos Anjos, técnico do Paysandu
Hélio dos Anjos, técnico do Paysandu

No momento, os dois paraenses estão na zona de classificação para as quartas de final da Série C. O Paysandu está na vice-liderança do Grupo B, com 27 pontos, um abaixo do Juventude, enquanto o Remo aparece em terceiro, com 26, um à frente de Ypiranga, Volta Redonda e São José.

"Vamos entrar com uma equipe muito forte, assim como o adversário. O que nós queremos é apoio do torcedor, porque esse é o momento. Ninguém está transferindo responsabilidade para torcedor. Essa é a hora. Espero que sejam duas torcidas brilhantes, segurança total. O Paysandu vai tentar ser o mais forte possível porque precisa. Não é fácil jogar contra o Remo", encerrou o treinador.