Série B: Guilherme promete Paysandu 'a mil por hora' contra o Oeste

Time paraense precisa voltar a vencer para ganhar força na briga contra o rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 05 (AFI) - O empate sem gols com o Vila Nova, fora de casa, foi avaliado positivamente pelo elenco do Paysandu, mas o resultado não foi nada efetivo em relação ao posicionamento do time na tabela da Série B. Sem vencer há oito jogos, o Papão está em 18º lugar, com 34 pontos, dentro da zona de rebaixamento. Por isso, é urgente uma vitória sobre o Oeste, nesta terça-feira, na Curuzu, conforme reforçado pelo lateral-esquerdo Guilherme Santos.

“As batalhas são dadas para os grandes guerreiros, e eu acredito que aqui temos muitos deles, então a gente vai encarar com seriedade, vai ver o que o professor Brigatti e a comissão vão organizar, o tipo de treinamento, como as coisas vão ficar e eu creio que quem entrar na arena vai entrar com o coração a mil por hora para fazer o melhor para a gente poder sair com essa vitória”, afirmou o jogador.

Foto: Jorge Luiz / Paysandu
Foto: Jorge Luiz / Paysandu
Guilherme, aliás, deve ser julgado nos próximos dias pelo STJD por ter sido expulso no jogo contra o Fortaleza, quando agrediu Dodô. Por isso, pode levar um gancho de quatro a 12 jogos. Contra o Oeste, no entanto, ele deve ir a campo.

A baixa do Paysandu é o zagueiro Fernando Timbó, que vai cumprir suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo. O capitão Diego Ivo, por sua vez, ficou de fora do último jogo pelo mesmo motivo e volta a ficar à disposição, voltando ao time justamente na vaga de Tmbó.

Renan Rocha; Maicon Silva, Perema, Diego Ivo e Guilherme Santos; Willyam, Renato Augusto e Felipe Guedes; Mike, Hgo Almeida e Magno.

 
 
" />