Série B: Paysandu acerta venda de Cassiano para o Heilongjiang Lava Spring-CHN

O atacante marcou 20 gols na temporada e tinha contrato com o Papão até dezembro

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 09 (AFI) - Não bastasse o momento delicado que o Paysandu vem passando no Campeonato Brasileiro da Série B, a torcida bicolor recebeu mais uma péssima notícia. O artilheiro Cassiano recebeu uma proposta do Heilongjiang Lava Spring-CHN e não faz mais parte do elenco para a sequência da temporada.

A saída de Cassiano foi anunciada pelo Papão através de uma nota oficial publicada em seu site. O contrato entre as partes se encerraria em dezembro e por isso o Paysandu vai receber uma compensação financeira. O valor não foi revelado.

"Um dos grandes destaques do elenco de futebol profissional bicolor em 2018, o atacante Cassiano tem em mãos uma proposta de uma equipe da China, que fez oferta salarial com valores cinco vezes a mais do que ele recebe atualmente, totalmente fora da realidade financeira do Paysandu Sport Club. O jogador viajou para realizar exames e posteriormente, se for aprovado, assinar contrato em definitivo com o clube interessado", dizia uma parte da nota.

O atacante Cassiano não vai mais defender o Paysandu na sequência da Série B
O atacante Cassiano não vai mais defender o Paysandu na sequência da Série B
PROPOSTA IRRECUSÁVEL

O Paysandu também revelou que, ainda em janeiro, Cassiano recebeu uma proposta de um clube da Tailândia, mas optou por permanecer em Belém para "dar início ao projeto que lhe fora apresentado na época. Agora, no entanto, a oportunidade é praticamente irrecusável". O atacante vinha se recuperando de uma lesão no púbis e sua última partida foi contra o CSA, no dia 16 de junho.

Contratado no início do ano depois do seu contrato com o Internacional ser encerrado - defendeu o Brasil de Pelotas por empréstimo na Série B do ano passado -, Cassiano foi um dos destaques do Paysandu em 2018, quando marcou 20 gols em 30 jogos. No Brasileiro, o atacante balançou as redes seis vezes e é um dos artilheiros do campeonato.

Com a saída de Cassiano, a diretoria bicolor vai ao mercado em busca de uma peça de reposição. Na semana passada, o Paysandu também acertou a saída do volante Danilo Pires, que não vinha sendo muito aproveitado pelo técnico Dado Cavalcanti.

CONFIRA NA ÍNTEGRA A NOTA DIVULGADA PELO PAYSANDU

Um dos grandes destaques do elenco de futebol profissional bicolor em 2018, o atacante Cassiano tem em mãos uma proposta de uma equipe da China, que fez oferta salarial com valores cinco vezes a mais do que ele recebe atualmente, totalmente fora da realidade financeira do Paysandu Sport Club. O jogador viajou para realizar exames e posteriormente, se for aprovado, assinar contrato em definitivo com o clube interessado.

O atleta tem vínculo até o fim deste ano com o Paysandu, que será compensado financeiramente caso a negociação entre as partes se concretize, de acordo com uma cláusula de saída que permite que o contrato seja ressarcido em situações de rompimento.

Durante a pré-temporada em janeiro, quando já estava no Estádio da Curuzu, o atacante recebeu um convite para atuar na Tailândia, mas optou por permanecer em Belém e dar sequência ao início do projeto que lhe fora apresentado na época. Agora, no entanto, a oportunidade é praticamente irrecusável.

Recentemente, Cassiano iniciou a fase final de tratamento de uma lesão na região do púbis no Núcleo de Fisioterapia do Papão. Ele é o artilheiro do time no ano com 20 gols marcados, desempenho que despertou o interesse de clubes de outros mercados.

A Diretoria de Futebol do Paysandu segue no mercado em busca de novos profissionais para reforçar o elenco que disputa o Campeonato Brasileiro da Série B.

 
 
" />