Paraense: Paysandu contrata meia Pedro Carmona e mais três

Além do jogador que estava no futebol sul-coreano, a diretoria bicolor fechou com o volante Cáceres e os atacantes Mike e Cassiano

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 28 (AFI) - O Paysandu anunciou no início da noite desta quinta-feira a contratação de um desejo antigo da diretoria. As partes chegaram a negociar em abril deste ano, mas uma proposta do futebol sul-coreano acabou melando. Dessa vez, porém, o meia Pedro Carmona será mesmo jogador do Papão em 2018.

O meia Pedro Carmona foi um dos reforços anunciados pelo Paysandu nesta quinta-feira
O meia Pedro Carmona foi um dos reforços anunciados pelo Paysandu nesta quinta-feira

O meia de 29 anos está de volta ao Brasil depois de ter defendido o Suwon City-KOR e abriu negociação com o Papão nos últimos dias. O vínculo será até o fim do Campeonato Brasileiro da Série B.

Essa será a primeira experiência do meia no futebol paraense. Natural de Porto Alegre, Pedro Carmona foi revelado pelo Internacional e depois passou por Juventude, São José-RS, Figueirense, Criciúma, Palmeiras, São Caetano, Náutico, Grêmio Novorizontino, Vila Nova, Oeste, Osasco Audax e Fortaleza.

MAIS GENTE CHEGOU!
Os reforços, porém, não pararam por aí. A diretoria bicolor fechou com mais três jogadores nesta quinta-feira. Um deles é o volante Luis Cáceres, que tem 29 anos e estava defendendo o Rubio Ñu-PAR. O paraguaio já atuou no futebol brasileiro por Coritiba e Vitória. Em seu país, defendeu Cerro Porteño-PAR, Libertad-PAR e Olimpia-PAR.

Revelado pelo Paulista de Jundiaí, Mike, de 24 anos, chega ao Papão depois de ter feito parte do elenco campeão brasileiro da Série B com o América-MG. O atacante ainda tem passagens por Internacional, Botafogo-SP, Sport, Osasco Audax e Oeste.

Também para o sistema ofensivo, a diretoria fechou com Cassiano, que já vinha negociando e admitido a possibilidade de defender o Paysandu. O atacante defendeu o Brasil de Pelotas na última Série B e tinha contrato com o Internacional até dezembro. Como não renovou, ficou livre para definir seu futuro. Aos 28 anos, o jogador já defendeu São José-RS, Glória, Esportivo, Criciúma, Santa Cruz, Fortaleza e Goiás, além de ter tido experiências no Chipre, na Coreia do Sul e no Cazaquistão.

 
 
" />