Paysandu 4 x 1 Mogi Mirim - Empurrado pela torcida, Papão goleia e coloca um pé na final

No jogo de volta, o time paraense pode perder por até 2 a 0 que garante a classificação para a grande final

por Agência Futebol Interior

Belém, PA, 01 (AFI) - Já classificados para a Série B do Campeonato Brasileiro, Paysandu e Mogi Mirim fizeram o primeiro jogo da semifinal da Série C, no Mangueirão. Embalado pela torcida alucinada, o Papão não tomou conhecimento do adversário, fez 4 a 1 e colocou um pé na grande final.

O próximo jogo entre os dois times será no próximo domingo, às 16h, no estádio Romildo Ferreira, em Mogi Mirim. O Sapão precisa vencer por 3 a 0. Caso repita o placar de 4 a 1, a partida será decidida nos pênaltis.

O JOGO

O Papão começou avassalador. Logo aos dois minutos de jogo, com liberdade, Bruno Veiga entrou na área em velocidade e tocou na saída do goleiro para abrir o placar e levar a torcida alviceleste ao delírio. Após início arrasador, o Paysandu recuou e ficou esperando o Mogi Mirim atacar, para sair no contra-ataque.

O time paraense era muito decisivo no ataque. Na segunda grande jogada ofensiva, o Papão ampliou. Aos 21 minutos, de novo Bruno Veiga. Em jogada parecida à do primeiro gol, atacante entrou em velocidade, limpou o goleiro e só tocou para o fundo das redes para ampliar a vantagem.

Paysandu, de Mazola Júnior, atropelou o Mogi Mirim em Belém: 4 a 1
Paysandu, de Mazola Júnior, atropelou o Mogi Mirim em Belém: 4 a 1

Com ataque em dia inspirado, o Paysandu fez o terceiro. Aos 27 minutos, Airton cobrou falta na cabeça de Pablo que, livre, concluiu com perfeição. Em menos de trinta minutos, o Papão já tinha 3 a 0 no placar. Embalado pela fanática torcida, os donos da casa quase fizeram o quarto. Aos 32 minutos, Bruno Veiga cruzou para Denis, que, de peixinho, parou no goleiro André.

O Mogi Mirim pecava no sistema defensivo e não se encontrava em campo. Tranquilo com o resultado, o Paysandu ficou tocando bola e segurou o resultado no primeiro tempo.

CABIA MAIS

Tentando diminuir a desvantagem para o jogo da volta, o Mogi começou o segundo tempo atacando. Logo aos três minutos, Valdir cobrou falta com força, a bola sobrou com Thomas, que chutou, mas Paulo Rafael fez boa defesa. Mas a reação não foi muito além. Aos 16 minutos o Paysandu ampliou. Héverton cobrou escanteio e Charles completou de cabeça.

O Sapão tentava ir para cima, mas a defesa do Paysandu estava bem postada e dava poucos espaços ao adversário. Nos contra-ataques, o time de Mazola chegava com muito perigo. Aos 26 minutos, Thomas recebeu na ponta da área e bateu cruzado, mas a bola foi para fora. A torcida não parava um minuto sequer.

A melhor chance do Mogi Mirim no jogo foi aos 35 minutos, quando Nando puxou contra-ataque pela direita e chutou com muito perigo. Aos 40, o Sapão conseguiu descontar. Valdir cruzou pela direita, Charles furou feio e Thomas escorou para as redes. O Mogi bem que tentou marcar mais um, mas o Paysandu segurou a pressão e garantiu a goleada.

Ficha Técnica

Fase
Semifinal
Rodada
1ª rodada
Data
01/11/2014
Horário
17h00
Local
Mangueirão - Belém (PA)
Árbitro
Emerson Luiz Sobral - PE

Renda
R$ 591 mil
Assistentes
Clovis Amaral da Silva - PE e Valdebranio da Silva - RO

Público
Pagantes: 17.092 Credenciados: 2.158
Cartões Amarelos
Paysandu-PA: Airton, Augusto Recife, Zé Antônio
Mogi Mirim-SP: Fábio Sanches

Gols
Paysandu-PA: Bruno Veiga 2' 1T, Bruno Veiga 21' 1T, Pablo 27' 1T, Charles 16' 2T
Mogi Mirim-SP: Thomas Anderson 40' 2T
Paysandu-PA
Paulo Rafael;
Charles, Fernando Lombardi e Pablo;
Djalma, Augusto Recife (Billy), Zé Antônio (Lenine) e Airton (Marcos Paraná);
Héverton; Dennis e Bruno Veiga.
Técnico: Mazola Junior
Mogi Mirim-SP
André Luiz;
Valdir, Fábio Sanches, Wagner e Leonardo;
Magal, Maycon, Danrlei (Gustavo Costa) e Vitinho (Thomas Anderson);
Nando (Moisés) e Everton.
Técnico: Claudinho Batista
 
 
" />