Bandeirante 0 x 0 Desportivo Brasil – Expulsões, bolas na trave e 0 no placar!

Os times fizeram confronto bastante movimentado, mas na etapa final abusaram das faltas

por Agência Futebol Interior

Marília, SP, 29 (AFI) – Num confronto bastante movimentado na noite desta quinta-feira, Bandeirante e Desportivo Brasil empataram por 0 a 0 no estádio Bento de Abreu, em Marília, pela quinta rodada da primeira fase do Campeonato Paulista da Série A3. O PLACAR FI acompanhou o duelo em TEMPO REAL.

Com o resultado, o Bandeirante segue na parte de baixo da tabela e correndo risco de rebaixamento. O time de Birigui é apenas o 12º colocado com cinco pontos. Já o Desportivo Brasil perdeu a chance de assumir, ainda que provisoriamente, a liderança do campeonato e aparece em segundo lugar com nove pontos.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS

BANDEIRANTE É MELHOR
Bandeirante e Desportivo Brasil fizeram um primeiro tempo bastante movimentado. O time de Birigui teve maior posse de bola e chegou mais vezes no campo ofensivo. Consequentemente esteve mais próximo do gol. Já o Desportivo Brasil mostrou ansiedade, principalmente no último terço do campo.

As principais jogadas do Bandeirante saíram pelos pés do meia Everton Sena. Primeiro, aos três minutos, o jogador foi lançado e cruzou na segunda trave. Só que Chico chegou atrasado e não conseguiu completar para as redes, embora tenha se chocado com a trave e tenha precisado de atendimento em campo.

O Desportivo Brasil até chegou a equilibrar a partida, mas não conseguiu traduzir em perigo ao experiente goleiro do Bandeirante Henal. Enquanto o time de Birigui, quando quis tocar bola com calma, sempre chegou com perigo. Aos 17, novamente Everton Sena jogou bola na área e Chico desviou pela linha de fundo.

Desportivo Brasil foi mal e poderia ter perdido para o Bandeirante em Marília
Desportivo Brasil foi mal e poderia ter perdido para o Bandeirante em Marília

JOGO FICOU QUENTE
No segundo tempo o nível técnico da partida caiu drasticamente. Os times passaram a abusar das faltas e não demorou para a arbitragem expulsar um jogador de cada lado: Thiago César pelo Bandeirante e Tito pelo Desportivo Brasil.

Aos 25 minutos, Henal saiu jogando errado e mandou a bola nos pés do jogador do Desportivo Brasil. Wellington recebeu na grande área e finalizou pela linha de fundo, perdendo a melhor oportunidade de gol para o time de Porto Feliz.

No final do jogo, quem apostou as últimas fichas na vitória foi o Bandeirante. E o time de Birigui acertou duas bolas na trave em dois minutos com o centroavante Anderson Cavalo. Sorte do Desportivo Brasil, que já merecia a desvantagem no placar e segurou o empate sem gols até o apito final.

PRÓXIMOS JOGOS
O Bandeirante volta a campo no próximo sábado para enfrentar o Votuporanguense, às 20 horas, no estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol. Já o Desportivo Brasil, no mesmo dia e horário receberá o São José no estádio José Liberatti, em Osasco.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
5ª rodada
Data
29/04/2021
Horário
20h00
Local
Bento de Abreu Sampaio Vidal - Marília (SP)
Árbitro
Jeferson Silvestrini

Renda
----
Assistentes
Marcelo Zamian de Barros e Felipe Camargo Moraes

Público
Portões Fechados
Cartões Amarelos
Bandeirante: Thiago César
Desportivo Brasil: Tito, Guilherme, Yago, Leonan, Luis Henrique

Cartões Vermelhos
Bandeirante: Thiago César
Desportivo Brasil: Tito
Bandeirante
Henal;
Jackson Maninho, Lucas Bahia, Gabriel Bahia e Paulão;
Thiago César, Rapchan (Davi Ceará), Gabriel Silva e Everton Sena (Anderson Cavalo);
Chico (Dandan) e Rafael Sayão (Fábio Leite).
Técnico: Márcio Ribeiro
Desportivo Brasil
Levy;
Fábio Sá, Edson, Leonan e Luis Henrique;
Guilherme, Tito, Nathan Índio (Bruno) e Alex (Rayan);
Lucão (Wellington) e Kaynan Ribeiro (Yago).
Técnico: Elio Sizenando