Batatais 0 x 0 Rio Preto - Jacaré joga bem, mas fica no empate sem gols

Com o resultado, o Glorioso da Vila Universitária aparece na nona colocação com 15 pontos somados, há um ponto do G8

por Agência Futebol Interior

São José do Rio Preto, SP, 26 (AFI) - Depois de fazer um grande segundo tempo contra o Capivariano, o Rio Preto voltou a repetir a boa atuação mas não conseguiu vencer o Batatais na tarde deste sábado (26). No Estádio Teixerião, onde o time adversário mandou o jogo, as duas equipes ficaram no empate sem gols, em partida válida pela 13ª rodada da primeira fase do Campeonato Paulista da Série A3.

Com o resultado, o Rio Preto aparece na nona colocação com 15 pontos somados, há um ponto do Olímpia, que tem 16 e é o primeiro time dentro do G8. Já o Batatais, vem logo a frente, em sétimo, com 20 pontos somados e tenta se manter na parte de cima da tabela para avançar às quartas de final do estadual.

Espaço incorporado por HTML (embed)

PRIMEIRO TEMPO
Em busca da vitória, o Glorioso da Vila Universitária quase abriu o marcador. Aos 13 minutos, dentro da pequena área, o meia Beto, na hora de concluir foi travado no momento certo. Dois minutos após, o artilheiro da competição, Gabriel Barcos, arriscou de fora da área e a bola tirou tinta da trave. Aos 21, quem chegou com perigo foi o Fantasma da Mogiana. No cruzamento da direita, dentro da pequena área, Felipe Santana de cabeça acertou o travessão.

Batatais e Rio Preto ficam no empate sem gols (Foto: Muller Merlotto Silva)
Batatais e Rio Preto ficam no empate sem gols (Foto: Muller Merlotto Silva)

Aos 23 minutos, o Rio Preto por pouco quase inaugurou o placar. Gabriel Barcos, apareceu mais rápido do que o setor defensivo do Batatais e com precisão tocou pro gol, mas a bola bateu na trave e, na sequência o arqueiro da Fantasma fez um grande defesa tirando de mão trocada em cima da linha. Ainda na primeira etapa o time comandado pelo técnico Ivan Canela podia ter aberto o placar. No entanto, o assistente Gilberto Aparecido Romachelli, assinalou impedimento do atacante Pablo que estava na pior da hipótese na mesma posição. Melhor no jogo, o Jacaré merecia uma sorte melhor.

SEGUNDO TEMPO
No segundo tempo o jogo caiu de produção devido o forte calor, mas foi o Rio Preto que tomou rédea da partida. Aos 32 minutos, Billy que entrou no lugar de Thiaguinho quase fez ao cabecear a bola rente ao travessão. O lance veio da direita após cobrança de escanteio. O arqueiro Adalberto tirou a bola com os olhos. No restante da partida aconteceram mais três situações de gol. O Rio Preto chegou duas vezes com perigo contra uma do Batatais.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times já voltam a campo no próximo final de semana para a disputa da 14ª e penúltima rodada da primeira fase do Paulista A3. Na sexta-feira (02), o Batatais joga mais uma vez no Teixeirão, quando recebe o Velo Clube, às 15h. No dia seguinte, no sábado (03), o Rio Preto encara o Nacional, também às 15h, no Estádio Anísio Haddad.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
13ª rodada
Data
26/09/2020
Horário
15h00
Local
Teixeirão - São José do Rio Preto (SP)
Árbitro
Paulo Cesar Francisco

Renda
--
Assistentes
Patrick André Bardauil e Gilberto Aparecido Romachelli

Público
Portões Fechados
Cartões Amarelos
Batatais: Ian Carlo, Caíque, Felipe Santana, Danilo
Rio Preto: Bruno Miguel , Lucas Lima , Pablo

Batatais
Adalberto;
Danilo Guimarães, Ian Carlo, Gustavo e Maicon (Guilherme Arruda);
Vitor Hugo, Felipe Santana (Robinho), Kawan e Alexandre (João Pedro);
Caíque Gomes (Paulo Cesar) e Caíque.
Técnico: Nívio Caetano
Rio Preto
Wendell;
Felipinho, Bruno Miguel, Téssio e Lucas Piauí;
Rafael Cursino, Beto (Lucas Lima) e Gabriel Tota; Pablo (Iago Pereira), Gabriel Barcos e Thiaguinho (Billy).
Técnico: Ivan Canela