Paulista A3: Palma Travassos e Scatenão são liberados e Batatais espanta chance de WO

Por outro lado, o Estádio Fortaleza e a Arena Capivari seguem interditados junto a Federação Paulista de Futebol (FPF)

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 23 (AFI) - O Portal Futebol Interior segue acompanhando de perto a situação de cada estádio para a rodada de estreia do Campeonato Paulista da Série A3 que acontece neste próximo final de semana. Nesta quinta-feira (23), os Estádios Palma Travassos - do Comercial - e o Dr Osvaldo Scatena - do Batatais - tiveram sua situação regularizada junto a Federação Paulista de Futebol (FPF).

A situação mais preocupante era a do Estádio Scatenão, já que o Batatais estreia em casa, neste domingo (26) contra o Desportivo Brasil. Já o Palma Travassos será usado apenas na segunda rodada, quando o Comercial recebe o Grêmio Osasco, no dia 29. Por outro lado, o Estádio Fortaleza e a Arena Capivari seguem interditados.

O Palma Travassos teve sua situação regularizada nesta quinta-feira
O Palma Travassos teve sua situação regularizada nesta quinta-feira

O Capivariano já se antecipou e para evitar um possível WO, transferiu seus quatro primeiros jogos como mandante para o Antônio Lins Guimarães, em Santa Barbará D’ Oeste. São eles Batatais (29/01), Linense (01/02), Desportivo Brasil (12/02) e Velo Clube (22/02),

MODO DE DISPUTA
No Paulista A3, os 16 times participantes vão jogar entre si em turno único na primeira fase. Os oito primeiros avançam às quartas de final, enquanto os dois últimos cairão para a Segundona Paulista de 2021. Apenas os finalistas conquistarão o acesso para o Paulista A2 de 2021.

Barretos, Velo Clube, Capivariano, Desportivo Brasil, Noroeste, Comercial, Primavera, EC São Bernardo, Rio Preto, Batatais, Grêmio Osasco, Nacional, Linense, Marília, Paulista e Olímpia são os participantes do Paulista A3, que começa em 25 de janeiro e se encerra em 17 de maio.