Noroeste x Barretos - Touro em vantagem por vaga na semi da Série A3

O time barretense venceu o jogo de ida por 2 a 1 e joga pelo empate em Bauru

por Agência Futebol Interior

Bauru, SP, 12 (AFI) – A Série A3 do Campeonato Paulista vai se afunilando e Noroeste e Barretos fazem uma partida decisiva nesse sábado para definir um dos classificados para as semifinais da competição. As equipes se enfrentam no Alfredo de Castilho, em Bauru, às 18 horas.

O Barretos larga em vantagem, já que venceu a partida de ida por 2 a 1, no estádio Fortaleza, em Barretos. No entanto, como tem melhor campanha, o Noroeste joga por resultados iguais e se classifica com qualquer vitória.

MUDANÇA NO NORUSCA
Apesar de não ter nenhum desfalque para essa partida, o técnico Betão Alcântara deve fazer uma modificação no time. A tendência é que o treinador promova a entrada de Diego Souza como principal responsável pela armação de jogadas no meio de campo.

Com isso, o meio fica reforçado, contando com o experiente Richarlyson, Rogério Maranhão, John Egito e Diego Souza. Na frente, Chico e Caio Barbosa têm a missão de movimentar o placar para garantir a classificação do time da casa.

TOURO REFORÇADO
No Barretos, o técnico Ricardo Morais conta com o retorno do zagueiro Matheus Blade, que cumpriu suspensão no jogo de ida após ser expulso na última partida da primeira fase.

Essa deve ser a única alteração em relação ao time que venceu por 2 a 1 no Fortaleza. Ricardo Morais aprovou o desempenho da equipe e deve tentar manter uma postura parecida mesmo jogando longe de casa.

Ficha Técnica

Fase
Quartas de Final
Rodada
2ª rodada
Data
13/04/2019
Horário
18h00
Local
Alfredão - Bauru (SP)
Árbitro
Leandro Carvalho da Silva

Renda
R$ 69.555,00
Assistentes
Patrick André Bardauil e Robson Ferreira Oliveira

Público
3.744 pessoas
Cartões Amarelos
Noroeste: Jean Pierre, Pedro, Junior Campos, Pedro Victor
Barretos: Iran Júnior, Bruno

Gols
Barretos: Iran Júnior 44' 2T
Noroeste
Cairo;
Pacheco, Jean Pierre, Júnior Campos e Renan;
Richarlyson (Talles Brener), Rogério Maranhão, John Egito (Leandrinho) e Diego Souza;
Caio Barbosa e Chico (Pedro).
Técnico: Betão Alcântara
Barretos
Wendell;
Arthur, Carlão, Matheus Blade e Hudson;
Elias, Alan Mota (Myller), Igor Boi e João Henrique (Iran Júnior);
Anderson Magrão e Yamada (Bruno Smith).
Técnico: Ricardo Morais