Comercial 1 x 0 Desportivo Brasil - Bafo faz jus ao fator casa e abre vantagem

O único gol do jogo foi marcado por Leonai, em um chute de longa distância no segundo tempo

por Agência Futebol Interior

Ribeirão Preto, SP, 06 (AFI) - O Comercial fez jus ao fator casa para ficar em vantagem nas quartas de final do Campeonato Paulista da Série A3. No inicio da noite deste sábado (06), o Leão do Norte recebeu e venceu o Desportivo Brasil, pelo placar de 1 a 0, no Estádio Palma Travassos, no duelo de ida do mata-mata. O único gol do jogo foi marcado por Leonai, em um chute de longa distância no segundo tempo.

As duas equipes voltam a se encontrar no próximo sábado (13), às 15h, dessa vez na casa do Desportivo Brasil, no Estádio Ernesto Rocco.

Wilson Rocha
Wilson Rocha

Na ocasião, o Comercial joga pelo empate, enquanto o time mandante terá que vencer por qualquer placar, já que tem a vantagem de jogar por dois resultados iguais por conta da melhor campanha.

Este jogo foi transmitido, ao vivo, pela Rádio FUTEBOL INTERIOR em parceria coma Rede Fé de Ribeirão Preto. A narração foi e Wilson Rocha, o rochinha, reportagens de Nando Medeiros e comentários de Juninho Fonseca. No comando geral esteve Ronaldo Camargo.

PRIMEIRO TEMPO
Jogando em casa e focado em conquistar uma boa vantagem para o jogo de volta, o Comercial começou a partida tendo mais posse de bola e fazendo pressão na área adversária nos primeiros minutos, abusando dos cruzamentos na área.

Comercial vence Desportivo Brasil no jogo de ida das quartas do Paulista A3 (Foto: Rafael Alves/CFC)
Comercial vence Desportivo Brasil no jogo de ida das quartas do Paulista A3 (Foto: Rafael Alves/CFC)

Porém a primeira chance de perigo veio do lado adversário. Aos 11, em um contra-ataque rápido após um ataque dos donos da casa, Campanholo recebeu um lançamento no meio-campo, avançou, invadiu a área e chutou na saída do goleiro, mas Mizael apareceu para afastar, praticamente em cima da linha.

A partir daí, a partida ficou bastante equilibrada no meio-campo. Porém aos 28 minutos, o Comercial criou uma boa chance de abrir o placar, quando após cobrança de escanteio, Silvio subiu mais que os zagueiros e testou firme, mas a bola pegou muita força e saiu por cima do gol. Nos minutos finais, o time mandante foi para cima e criou pelo menos quatro jogadas de perigo. A melhor delas em um chute de Caio Vieira, mas sem sucesso. Até por conta disso, o duelo foi para o intervalo empatado sem gols.

SEGUNDO TEMPO

Na volta do intervalo, a partida seguiu movimentada e apesar da primeira chance ter sido criada pelo Desportivo Brasil em um chute de Leandro, o Comercial dominou as chances de ataque. Aos nove minutos, após um bate rebate na área, a bola sobrou para João Marcos, que acabou chutando para fora.

Já aos 20, foi a vez de Erick Bessa. O atacante recebeu um toque de Caio Vieira e chutou cruzado, mas a bola triscou o travessão, antes de sair.

Depois de tanto tentar, o Comercial conseguiu abrir o placar de uma forma despretensiosa. Aos 35 minutos, a bola sobrou para o volante Leonai que arriscou de longe e conseguiu marcar um bonito gol. O goleiro Éder estava um pouco adiantado, mas até tentou pular na bola, mas não alcançou e viu a bola morrer no fundo das redes.

Nos minutos finais, o Desportivo Brasil foi para o tudo ou nada em busca do empate. Porém a partida terminou mesmo com o placar de 1 a 0 para os donos da casa.

Ficha Técnica

Fase
Quartas de Final
Rodada
1ª rodada
Data
06/04/2019
Horário
17h00
Local
Palma Travassos - Ribeirão Preto (SP)
Árbitro
Leandro Carvalho da Silva

Renda
R$ 52.020,00
Assistentes
Patrick André Bardauil e Diego Morelli de Oliveira

Público
3.466 pagantes
Cartões Amarelos
Comercial: Leonai
Desportivo Brasil: Alex, Calixto

Cartões Vermelhos
Desportivo Brasil: Calixto
Gols
Comercial: Leonai 35' 2T
Comercial
Leandro Santos;
Mizael, Sílvio, Cléber e Cortez;
Leonai, Cesinha e Edson Pio (Paulinho);
Caio Vieira, Romarinho (Erik Bessa) e João Marcos (Zé Andrade).
Técnico: Ito Roque
Desportivo Brasil
Éder;
Marcelinho, William, Glauco e Guilherme;
Calixto, Vinícius, Alex (Teco) e Lucas Douglas;
Thiaguinho (Marquinhos) e Campanholo (Carlinhos).
Técnico: Simão Farias