Portuguesa Santista 1 x 0 Noroeste - Briosa faz o dever de casa e assume ponta da A3

Leo Gonçalves foi o autor do único gol da partida

por Rivail Oliveira

Santos, SP, 28 (AFI) - A Portuguesa Santista confirmou a ótima fase que atravessa e assumiu a liderança do Campeonato Paulista da Série A3, nesta noite, com uma grande vitória por 1 a 0 diante o Noroeste, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos, pela 13ª rodada. Foi um triunfo mais do que justo para a Briosa.

O time casa teve mais iniciativa durante o jogo, dominando todo o primeiro tempo e marcando aos 15 minutos com Leo Gonçalves. No segundo período, o Norusca igualou as ações, mas as conclusões deixaram a desejar e ainda quase sofreu mais gols.

Com o resultado, a Briosa tem agora 29 pontos, contra 27 do Atibaia, segundo colocado. O Noroeste segue com 22 pontos, na quinta colocação, atrás de Capivariano, com 25, e Desportivo Brasil, com 23, e à frente de Taboão, Velo e Barretos, que fecham o G8, todos com 21 pontos.

Santista venceu o Noroeste (Foto: Divulgação / Ag. Briosa)
Santista venceu o Noroeste (Foto: Divulgação / Ag. Briosa)

DOMÍNIO E GOL DA BRIOSA
A Lusa começou impondo seu ritmo e pressionando pelos dois lados do ataque. O Norusca ficou recuado e jogando por uma bola. Wendel e Anderson Magrão concluíram contra o gol de Ferreira antes dos cinco minutos. Assim, o gol da Briosa não demorou a sair.

Aos 15, o lateral Rômulo passou como quis por Alex Silva e tocou para trás. Leo Gonçalves mandou forte e sem chance para o goleiro Ferreira: 1 a 0. Aos 17, Rômulo cruzou e o ataque luso chegou atrasado e, por muito pouco, não ampliou.

OUTRA BOA JOGADA
Aos 20, Rômulo fez outra grande jogada e o ataque da Briosa desperdiçou outra grande chance. Aos 26, a bola foi rolada para o livre Anderson Magrão, que parou em Ferreira, autor de uma grande defesa.

O Norusca “acordou” para o jogo só depois dos 25. Teve um chute despretensioso de Alex Silva aos 27, outro lance com Wellington aos 30 e outro com Gimbre aos 32. Ainda perdeu uma, aos 35, com Leandro Oliveira de cabeça, além de Gilson, aos 36. . No finalzinho, Rômulo fez uma grande jogada e por muito pouco não marcou o segundo.

NORUSCA EQUILIBRA, MAS BRIOSA SE GARANTE
O jogo mudou no segundo tempo e ficou mais aberto. O Norusca saiu mais para o jogo, buscando a igualdade, enquanto a Briosa continuou levando perigo e criando boas chances para ampliar.

Logo a um minuto, Carlos Alberto perdeu grande chance para a Lusa; aos quatro, Rômulo cruzou novamente, Léo passou raspando e quase ampliou. Aos seis, Gimbre respondeu pelo Norusca.

Santista e Noroeste fizeram jogo equilibrado,mas Briosa lidera sozinho. Foto: Ag. Briosa
Santista e Noroeste fizeram jogo equilibrado,mas Briosa lidera sozinho. Foto: Ag. Briosa

NORUSCA PERDE GOL
Aos 14, Jorge Mauá, que tinha entrado na etapa final, quase empatou para o visitante. Aos 23, Wellington recebeu e bateu mascado, desperdiçando ótima oportunidade para o Noroeste.

Aos 25, numa falta levantada na área da Briosa, Mauá cabeceou na trave de Cleyton. Em bom ataque da Santista, Wendel emendou e assustou o gol bauruense. O Noroeste aumentou a pressão no final, mas a conclusão não foi das melhores. Em um contra-ataque, Wendel perdeu após toque de calcanhar de Carlos Alberto.

CONFUSÃO NO FINAL
No finalzinho, depois de uma jogada de efeito de Carlos Alberto que irritou os noroestinos, o tempo fechou no Ulrico Mursa, e a arbitragem teve de expulsar três jogadores: André Rocha e Wellington, do Norusca, e Carlos Alberto, da Briosa. O jogo terminou com a vitória da Briosa mesmo, por 1 a 0.

PRÓXIMOS JOGOS
Na 14ª rodada do Campeonato Paulista da Série A3, às 10h, a Portuguesa Santista enfrenta o Monte Azul fora de casa. No mesmo dia e horário, o Noroeste recebe a Matonense, no Alfredo de Castilho, em Bauru.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
13ª rodada
Data
28/02/2018
Horário
20h00
Local
Ulrico Mursa - São Carlos (SP)
Árbitro
Leandro Carvalho da Silva

Renda
R$ 20.1409,00
Assistentes
Leonardo Tadeu Pedro e Jose Lucas Candido de Souza

Público
1553 pagantes
Cartões Amarelos
Portuguesa Santista: Diogo
Noroeste: Hipólito

Cartões Vermelhos
Portuguesa Santista: Carlos Alberto
Noroeste: André Rocha , Wellington
Gols
Portuguesa Santista: Leo Gonçalves 15' 1T
Portuguesa Santista
Cleyton;
Rafael Ferro, Dema, Gustavo Henrique e Rômulo;
Diogo Lopes, Tufa, Wendel e Carlos Alberto;
Anderson Magrão (Rodriguinho depois Renan) e Leo Gonçalves (Diego Palhinha).
Técnico: Sérgio Guedes
Noroeste
Ferreira;
Alex Silva (Pacheco), Jean Pierre, Marcelinho e Hipólito;
Maicon, André Rocha, Leandro Oliveira (Jorge Mauá) e Gindre (Romão); Wellington e Gilson
Técnico: Alberto Félix