Marília x Matonense - Em confronto direto, MAC quer sair do Z6 do Paulista A3

O Tigrão é décimo sétimo colocado com cinco pontos, mesma pontuação da SEMA, décima quinta

por Agência Futebol Interior

Marília, SP, 06 (AFI) - O estádio Bento de Abreu, o Abreuzão, vai receber um verdadeiro jogo de seis pontos. Pela sétima rodada do Campeonato Paulista da Série A3, às 20h desta quarta, o Marília tenta fazer o dever de casa diante da Matonense. Os dois times só têm um pensamento: vencer para sonhar com a saída do Z6, a zona de rebaixamento à Segundona Sub 23.

O Tigrão é décimo sétimo colocado com cinco pontos, mesma pontuação da SEMA, décima quinta. A diferença é que a equipe visitante tem um saldo melhor: menos um contra menos cinco. O primeiro time fora do Z6 é o União Barbarense. O Leão da 13 tem seis pontos e recebe o EC São Bernardo, também nesta quarta, mas às 17h.

OS TIMES
Na tarde desta terça, o técnico Luiz Carlos Ferreira comandou um treino tático, testando as peças e o posicionamento da equipe, com o presidente do Clube, Antonio Carlos “Sojinha”, acompanhando tudo de perto.

Matonense vem de derrota para o Osasco
Matonense vem de derrota para o Osasco
Uma das novidades foi o meio-campista Rafael Branco, recém chegado ao time, que treinou no time considerado titular.

Jonathan Almeida que cumpriu suspensão automática contra o São Carlos participou da atividade entre os suplentes.

Depois da derrota em casa, na verdade, em Bebedouro, em um verdadeiro jogão - vitória do Grêmio Osasco por 3 a 2 - a Matonense vai até a cidade de Marília sem nenhum tipo de desfalque. Dessa forma, o técnico Gláucio Rodrigues vai manter a mesma equipe para encarar o Tigre, no Abreuzão.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
7ª rodada
Data
07/02/2018
Horário
20h00
Local
Bento de Abreu - Marília (SP)
Árbitro
Cleber Luis Paulino

Assistentes
Marlon Spinola e Claudenir Donizeti Gonçalves da Silva

Cartões Amarelos
Marília: Paulinho, Jonathan

Gols
Marília: Du Gaia 45' 1T, Jonathan 44' 2T
Matonense: Matheus Gomes 5' 1T
Marília
Gilson;
Eduardo Grasson, Zé Roberto e Rafael Fefo;
Israel (Paulinho), Rafael Branco (Thiago Santos), Jailto, Alisson e Bahia;
Du Gaia e Galego (Jonathan)
Técnico: Luiz Carlos Ferreira
Matonense
Paulo André
Rodrigo, Pedro Henrique, Thiago (Iuri) e Welington;
Murilo, Arthur, Jougle (Jorge) e Matheus Gomes;
Wallace e Miqueias (Cleber)
Técnico: Gláucio Rodrigues
 
 
" />