Capivariano 2 x 3 Desportivo Brasil - Erik Mendes decreta a vitória em Capivari

O principal personagem foi o atacante Erik Mendes, que deixou duas vezes a sua marca em duas falhas de Rodrigo Sabiá

por Agência Futebol Interior

Capivari, SP, 07 (AFI) – O Capivariano conheceu nesta quarta-feira a sua primeira derrota no Campeonato Paulista da Série A3. Jogando na Arena Capivari, diante do seu torcedor, o time de Roberval Davino caiu para o Desportivo Brasil por 3 a 2 e perdeu a liderança ao final desta 7ª rodada. O principal personagem foi o atacante Erik Mendes, que deixou duas vezes a sua marca em duas falhas do seu antagonista, o zagueiro Rodrigo Sabiá, que teve uma noite para esquecer.

Com a derrota o Capivariano segue com 14 pontos, agora na terceira posição, já que Atibaia e Portuguesa Santista venceram seus jogos e chegaram a 16 e 15 pontos, respectivamente. Já o Desportivo Brasil conhece a sua segunda vitória, agora com oito pontos, fora da zona de rebaixamento.

VACILOS

O técnico Roberval Davino gastou saliva na beira do campo. Isso porque o Capivariano não era o mesmo das rodadas anteriores. Mais desligado, o time dava muito espaço para o adversário e bobeava em algumas jogadas simples, principalmente entre os zagueiros Rodrigo Sabiá e Gutierrez. Do outro lado, o Desportivo tinha velocidade e muita inteligência para jogar nas falhas, tanto que abriu o placar logo aos 20 minutos.

Em um bate e rebate na intermediária, a bola sobrou limpa para Rodrigo Sabiá, que precisava apenas cortar de cabeça, mas acabou se enrolando com a bola, escorregou a ela sobrou para Erik Mendes. Oportunista, o atacante ficou frente a frente com o goleiro Ian e tocou no contrapé, abrindo o placar na Arena Capivari.

Numa outra falha, desta vez aos 45 minutos do primeiro tempo, o Desportivo Brasil ampliou o resultado. Rodrigo Sabiá abandonou o posto na defesa e partiu para o meio de campo, tentando dar o combate. Acabou envolvido pelo toque de bola e deixou Erik Mendes mais uma vez totalmente livre. Ele recebeu um lindo passe de Thalis, ficou mano a mano com Ian de novo e tocou por debaixo das pernas do goleiro.

RIGOROSO

Em um momento de rigor do árbitro, o Desportivo Brasil tinha uma cobrança de lateral no campo ofensivo, pelo lado esquerdo, e Thalis correu para fazer a cobrança, mas acabou deixando a bola para outro companheiro. Edson Alves da Silva entendeu como uma tentativa de retardar o início do jogo e deu o segundo amarelo para o meia, que foi para o chuveiro mais cedo. O lance gerou uma pequena confusão, que demorou alguns minutos.

Na jogada seguinte, com a cobrança do lateral, Erik Mendes recebeu uma falta pelo lado esquerdo. Na cobrança, aos sete minutos, Edson Pio mandou fechado, pegou Ian de surpresa e acabou encobrindo o goleiro, em um banho de água fria para cima do Capivariano. O time da casa tentou reagir, Lucas Praxeds recebeu de Bill pela esquerda e bateu cruzado, mas o goleiro Douglas jogou pela linha de fundo.

REAÇÃO

Em dois minutos o Capivariano colocou fogo no jogo. Na bola aérea, em uma cobrança de escanteio pela direita, o zagueiro Gutierrez nem precisou sair do chão, dentro da pequena área, para testar e fazer o primeiro gol aos 34 minutos. No lance seguinte, aos 35, Lucas Praxedes acertou um belo cruzamento no segundo pau, Wendel saiu nas costas da marcação e marcou o segundo. A partir daí só deu o time da casa, mas sem sucesso.

PRÓXIMOS JOGOS

Novamente na Arena Capivari, o Capivariano recebe o Velo Clube no próximo sábado, às 17 horas, pela 8ª rodada do Campeonato Paulista da Série A3. Já o Desportivo enfrenta o Taboão da Serra no estádio Ernesto Rocco, em Porto Feliz, às 16 horas de sábado.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
7ª rodada
Data
07/02/2018
Horário
20h00
Local
Arena Capivari - Capivari (SP)
Árbitro
Edson Alves da Silva

Assistentes
João Petrucio Marimônio de Jesus dos Santos e Edislandio Nunes Bernardo

Cartões Amarelos
Capivariano: Welder, Leonardo
Desportivo Brasil: Diego Landis, Igor Meneghel, Edson Pio, Thalis, Douglas

Cartões Vermelhos
Desportivo Brasil: Thalis
Gols
Capivariano: Gutierrez 34' 2T, Welder 35' 2T
Desportivo Brasil: Erik Mendes 20' 1T, Erik Mendes 44' 1T, Edson Pio 7' 2T
Capivariano
Ian;
Welder, Rodrigo Sabiá, Gutierrez e Lucas Praxedes;
Marques, Alexandre (Douglas), Leonardo e Barbosa (Matheus);
Gabriel e Vini.
Técnico: Roberval Davino
Desportivo Brasil
Douglas;
Michel, Diego Landis, Glauco e Igor Meneghel;
Vitor Rossini, Thalis, Thiago e Edson Pio (Tiago Silva);
Erik Mendes (Ingro) e Douglas Santos.
Técnico: Caio Zanardi