Seleção da Série A3 vem no tradicional 4-4-2 e com técnico estrategista

No comando da equipe aparece o técnico Claudemir Peixoto, da Itapirense, que mostrou conhecimento tático na goleada sobre o Grêmio Osasco por 3 a 0

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 02 (AFI) - Enquanto a Copa do Brasil agitou o futebol brasileiro em todos os cantos do país, o Campeonato Paulista da Série A3 teve a nona rodada realizada nesta quarta-feira, com todas as dez partidas. A Seleção FI da rodada vem escalada no tradicional esquema tático 4-4-2, e diversificada, com jogadores de oito times diferentes.

No comando da equipe aparece o técnico Claudemir Peixoto, da Itapirense. O treinador mostrou conhecimento tático e fez com que a Vermelhinha goleasse o forte Grêmio Osasco por 3 a 0. Foi a primeira vitória do treinador à frente do time de Itapira, após dois empates acompanhando o time do banco de reservas e outro conquistado das arquibancadas.

Confira os melhores da rodada:

Goleiro: Diego Júnior (Paulínia) - Sei que vai parecer clichê, mas um bom time começa por um grande goleiro. O jogador na partida diante do Flamengo demonstrou bastante tranquilidade, se mostrando bastante seguro, fazendo com que seus companheiros não precisassem se preocupar lá atrás e com isso venceu por 1 a 0, com gol às 47 do segundo tempo.

Lateral-direito: Robson Goiano (Lemense) - Entrando como titular depois de muito tempo, o lateral-direito deu um show nesta rodada. Em tarde inspirada, deu o passe que geraram os dois gols do empate do Lemense contra o Taquaritinga, além de participado de outras chances de gol.

Zagueiro: Anderson (Taquaritinga) - O defensor fez a função de atacante, e se arriscou ao ataque. Bem no final da partida, quando o CAT estava sendo derrotado, ele apareceu com oportunismo dentro da área, para empatar a partida e evitar que o Taquaritinga fosse derrotado pelo lanterna Lemense.

Zagueiro: Biro (Penapolense) - Além de ajudar seu time na defesa, Biro deu show no campo de ataque. Num lance de oportunismo e num chute de fora da área, o jogador marcou dois gols e ajudou o CAP a conquistar mais um ponto fora de casa. Lidera sozinho, com 21 pontos!

Lateral-esquerdo: Danilo (XV de Jaú) - Em um jogo bastante equilibrado, a bola parada poderia fazer a diferença. O Galo da Comarca estava ficando distante da classificação com a derrota, mas arrancou um empate após boa cobrança de falta do lateral-esquerdo. Danilo ainda contou com a sorte, já que a bola desviou na barreira e enganou o goleiro Fabrício. Além disso, ele foi bastante seguro na marcação e não deu espaços para os adversários.

Volante: Cris Alves (Itapirense) - É um jogador completo. Marca bem, sai para o jogo e ainda faz gols. Na goleada contra o bom time do Grêmio Osasco na tarde desta quarta-feira, Cris foi o nome do jogo. Merece ser melhor visto e pode em breve vestir a camisa de grandes clubes.

Volante: Devas (Barueri) - Grande pilar defensivo do time do Barueri. Além de segurar bem os rápidos meias do Velo Clube, Devas deu qualidade na saída de bola de sua equipe. De seus pés saiu o lançamento para o gol de Carlos Eduardo, o segundo da vitória sobre o time rioclarense.

Meia: Alex (Paulínia) - No equilibrado confronto com o Flamengo, o jogador teve que ser persistente e principalmente ousado para ajudar sua equipe a sair com a vitória. Já nos acréscimos, o meia do Paulínia aproveitou bate-rebate e falha da zaga rubro-negra para fazer o único e decisivo gol da partida.

Meia: Sousa (Lemense) - Ele foi um dos principais jogadores do Lemense no empate com o Taquaritinga por 2 a 2. Com muito oportunismo, soube se colocar dentro da área para receber os cruzamentos, e livre de marcação, fez os dois gols do empate de seu time.

Atacante: Evandro Paulista (São Carlos) - Apesar de não ser titular absoluto da Águia da Central, o jogador aproveitou a oportunidade que o técnico João Martins lhe deu e marcou dois belos gols na vitória do São Carlos por 4 a 1 sobre a Francana, que colocou o time na 3ª colocação do Grupo 1.

Atacante: Magrão (Barueri) - É artilheiro nato. Toca pouco na bola, mas sempre que participa leva perigo. Abriu o placar em lance de oportunismo, no qual aproveitou indecisão da defesa do Velo Clube para colocar a bola no fundo das redes.

Técnico: Claudemir Peixoto (Itapirense) - O treinador mostrou muita visão de jogo e armou um belo esquema tático na partida diante do forte Grêmio Osasco, que culminou na vitória do seu time por 3 a 0, fazendo com que equipe se aproximasse do G4 do Grupo 2 do estadual.

 
 
" />