Portuguesa x Sertãozinho - Chance de ouro para a Lusa entrar no G8

O adversário rubroverde é o único time que ainda não ganhou no Paulista A2

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 02 (AFI) - A Portuguesa tem uma grande oportunidade de entrar no G8 do Campeonato Paulista da Série A2 nesta segunda-feira, quando enfrenta o Sertãozinho, às 22 horas, no Canindé, pela 11ª rodada.

Sem perder há seis jogos, a Lusa aparece na nona colocação, com 12 pontos, um a menos que o oitavo colocado Juventus. Para entrar no G8, a Portuguesa precisa ganhar e torcer por tropeço de Rio Claro, Portuguesa Santista, São Bernardo ou do próprio Juventus.

Já a situação do Sertãozinho é bastante complicada. Único time que ainda não conquistou nenhuma vitória no campeonato, o Touro dos Canaviais amargam a lanterna, com apenas um ponto. Nem mesmo um resultado positivo o tira da zona de rebaixamento.

Portuguesa quer a vitória para entrar no G8 do Paulista A2 (Foto: Divulgação/Portuguesa)
Portuguesa quer a vitória para entrar no G8 do Paulista A2 (Foto: Divulgação/Portuguesa)
OS TIMES
A escalação inicial da Portuguesa para o confronto contra o Sertãozinho é uma incógnita, já que não fez uma boa partida contra o Rio Claro e melhorou com as alterações feitas pelo técnico Fernando Marchiori no segundo tempo.

A boa notícia para o treinador rubroverde é que o atacante Maykinho está novamente à disposição depois de ter cumprido suspensão na última rodada.

Assim como a Portuguesa, o Sertãozinho está indefinido para a partida desta segunda-feira. O técnico Thiago Oliveira tem todos os jogadores à disposição e estuda fazer mudanças em relação ao time que iniciou no empate com o EC São Bernardo.

Ficha Técnica

Fase
Primeira fase
Rodada
11ª rodada
Data
03/05/2021
Horário
22h00
Local
Canindé - São Paulo (SP)
Árbitro
Matheus Delgado Candançan

Assistentes
Gustavo Rodrigues de Oliveira e Gabriel Alexandre Tostes Fleming

Cartões Amarelos
Portuguesa: Caíque, Willian Magrão

Portuguesa
Thomazella;
Diego Jussani, Willian Magrão e Fernando Lombardi;
Douglas Dias, Wellington Reis (Walfrido), Caíque e Vinícius (Júnior Prego);
Misael (Raphael Luz), Maykinho (Lucas Douglas) e Ermínio (Caio Mancha).
Técnico: Fernando Marchiori.
Sertãozinho
João Guilherme;
Renan Paulino, Michel (Ferrugem depois Júlio Pacato), Marcelo Xavier e Malcoon;
Murilo, Mateus Silva, Dener e Velicka (Matheus Santos);
Magrão (Diego Luis) e Diogo Carlos (Tony Galego).
Técnico: Thiago Oliveira.