Portuguesa 0 x 0 Sertãozinho - Lusa tropeça no lanterna e não entra no G8

O time comandado por Fernando Marchiori pressionou do início ao fim, mas pecou no último passe

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 03 (AFI) - A Portuguesa perdeu uma chance de ouro de entrar no G8 do Campeonato Paulista da Série A2 na noite desta segunda-feira ao empatar sem gols com o Sertãozinho, em pleno Canindé, pela 11ª rodada.

O resultado foi bastante lamentado pelos jogadores da Portuguesa, que aparece na décima colocação, com 13 pontos, um a menos que a oitava colocada Portuguesa Santista. Por outro lado, o Sertãozinho continua sem vencer e amarga a lanterna, com apenas quatro pontos.

VEJA OS MELHORES MOMENTOS COMPLETO

O JOGO!
O primeiro tempo mais pareceu um treinamento de ataque contra a defesa. A Portuguesa começou com tudo em cima do Velo Clube e criou boas oportunidades. A melhor delas veio em cruzamento de Vinícius e cabeçada de Ermínio, que explodiu na trave de João Guilherme.

Portuguesa ficou no empate sem gols com o Sertãozinho (Foto: Dorival Rosa/Portuguesa)
Portuguesa ficou no empate sem gols com o Sertãozinho (Foto: Dorival Rosa/Portuguesa)

O Sertãozinho parecia se contentar com o empate apesar de precisar da vitória e apostava no contra-ataque para surpreender a Lusa.

O panorama da partida não mudou depois do intervalo. Aos quatro minutos, Fernando Lombardi cabeceou rente a trave.

SEM ÚLTIMO PASSE
Apesar de ter muito mais a posse da bola, a Portuguesa não conseguia acertar o último passe.

Nos minutos finais, a Lusa foi com tudo para cima. Aos 38, Júnior Prego cruzou rasteiro e ninguém conseguiu completar para o gol.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo na próxima quinta-feira, às 20 horas, pela 12ª rodada. A Portuguesa enfrenta o Juventus, na Arena Barueri, em Barueri, e o Sertãozinho recebe o Red Bull Brasil, no Frederico Dalmaso, em Sertãozinho.

Ficha Técnica

Fase
Primeira fase
Rodada
11ª rodada
Data
03/05/2021
Horário
22h00
Local
Canindé - São Paulo (SP)
Árbitro
Matheus Delgado Candançan

Assistentes
Gustavo Rodrigues de Oliveira e Gabriel Alexandre Tostes Fleming

Cartões Amarelos
Portuguesa: Caíque, Willian Magrão

Portuguesa
Thomazella;
Diego Jussani, Willian Magrão e Fernando Lombardi;
Douglas Dias, Wellington Reis (Walfrido), Caíque e Vinícius (Júnior Prego);
Misael (Raphael Luz), Maykinho (Lucas Douglas) e Ermínio (Caio Mancha).
Técnico: Fernando Marchiori.
Sertãozinho
João Guilherme;
Renan Paulino, Michel (Ferrugem depois Júlio Pacato), Marcelo Xavier e Malcoon;
Murilo, Mateus Silva, Dener e Velicka (Matheus Santos);
Magrão (Diego Luis) e Diogo Carlos (Tony Galego).
Técnico: Thiago Oliveira.