Portuguesa Santista 3 x 1 São Bento - Briosa vence de virada e afunda o Bentão

O time da casa até saiu perdendo, mas dominou a partida com tranqulidade para construir o resultado

por Rivail Oliveira

Santos SP, 16 (AFI) - A Portuguesa Santista venceu o São Bento por 3 a 1 neste domingo cedo em Ulrico Mursa, em jogo da sétima rodada do Campeonato Paulista da Série A2. Kalil, Galego e Gabriel Terra anotaram para a Briosa, e Erick Luis abriu a contagem para o Bentão. Todos gols no segundo tempo.

VEJA OS GOLS DA VIRADA DA BRIOSA !
SÉRIE INVICTA

A Briosa fez valer o seu melhor futebol e jogando em casa, diante de um São Bento que mais uma vez foi muito mal. Com o resultado, o time santista somou o sexto jogo sem derrotas e assumiu a segunda colocação, com 14 pontos, cinco vitórias, dois empates e uma derrota.

O Bentão segue sem vencer há cinco jogos e se manteve com seis pontos e ocupa a 14ª posição, com seis pontos (1 vitória, 3 empates e 3 derrotas), à frente somente de Portuguesa, com quatro e de Votuporanguense com dois pontos.

São Bento defendia longo TABU. Confira !

TEMPO DE UM TIME SÓ
O primeiro tempo em Ulrico Mursa foi o jogo de um time só: a Portuguesa, que pressionou e colocou um ritmo forte, diante de um São Bento desorganizado ao ponto do goleiro Lucas ser o melhor em campo com pelo menos três defesas. A Briosa criou mais nos 20 primeiros minutos, com Brumati aos 25 minutos.

Santista buscou a virada em cima do São Bento
Santista buscou a virada em cima do São Bento
Aos 31, cruzamento da direita e Ferro Santiago sozinho, emendou e Lucas Macanham fez grande defesa. Depois da hidratação, a Lusa voltou pressionando mais ainda. Aos 34 Gabriel Terra mandou falta na trave. Romulo cruzou, Calil chegou cara a cara e Lucas fez grande defesa aos 36, num desvio da zaga, evitando o gol luso. O São Bento não deu um chute no segundo tempo e irritou seus torcedores que viajaram a Santos. Brumatti arriscou nos acréscimos,

BENTÃO MARCA, BRIOSA VIRA
Mesmo sem jogar bem, e com a Briosa seguindo melhor no início do segundo tempo, o São Bento abriu o placar aos nove minutos: Evandro colocou Erick Luis, entre dois marcadores e esse bateu bem, 1 a 0.

Por ironia do destino, Lucas Macanham, que vinha sendo o melhor do Bentão e do jogo, foi infeliz na reposição de bola, Gabriel Terra chutou na trave e Kalil pegou o rebote e empatou, 1 a 1 aos 16 minutos.

Só dava Briosa, que mandava no jogo. Santiago tentou, aos 19 sem sucesso. Aos 24, Erick Luis chegou bem e no rebote, Evandro errou o gol. Aos 28 minutos, Guioto inverteu para Terra, que rolou para Galego que entrou e bateu cruzado, Lusa 2 a 1.

Aos 39, Guioto chegou livre e perdeu o terceiro para Lusa. Aos 46 Lucas salvou novamente e evitou o gol. Mas aos 47, a Briosa marcou o terceiro, com Gabriel Terra, em outra falha da defesa azul que bateu fraco. E terminou assim em Ulrico Mursa, 3 a 1 para a Lusa.

PRÓXIMOS JOGOS
A Portuguesa volta a jogar dia 22 de fevereiro, 15h, no ABC, contra o São Bernardo. O São Bento joga dia 24, 20h, contra o São Caetano, em Sorocaba.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
7ª rodada
Data
16/02/2020
Horário
10h00
Local
Ulrico Mursa - Santos (SP)
Árbitro
Lucas Canetto Bellote

Renda
R$ 20.375,00
Assistentes
Fabio Rogerio Baesteiro e Robson Ferreira Oliveira

Público
1.373 pagantes
Cartões Amarelos
Portuguesa Santista: Galego, Tauã, Rômulo, Gualberto
São Bento: Erick Luis, Evandro, Luis Henrique, Adalberto, Wellington Bruno

Gols
Portuguesa Santista: Kalil 15' 2T, Galego 28' 2T, Gabriel Terra 46' 2T
São Bento: Erick Luis 9' 2T
Portuguesa Santista
João Lucas;
Ferro, Brumati, João Gabriel e Rômulo;
Rayllan, Tauã, Galego, Gabriel Terra;
Kalil (Romarinho) e Santiago (Emerson Vioto)
Técnico: Sérgio Guedes
São Bento
Lucas Macanham;
Marcos Martins, Flávio Boaventura, Adalberto e Luis Henrique;
Fabio Bahia, Evandro (Matheus Guarujá), Welington Bruno (Tiago Primão), Diogo Tavares.
Uberaba (Erick Luis) e Rafinha.
Técnico: Léo Condé