São Bernardo 2 x 0 Portuguesa - Bom pra uns, sempre ruim pra Lusa..

Resultado colocou o tradicional time paulistano na zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

São Bernardo do Campo, SP, 12 (AFI) - A Portuguesa manteve seu calvário na Série A2 do Campeonato Paulista. Na Noite desta quarta-feira, a Lusa entrou na zona de rebaixamento ao ser derrotada pelo São Bernardo, por 2 a 0, no Estádio 1º de Maio, no ABC Paulista, pela sexta rodada. Bruno Maia, contra, e Marlyson fizeram os gols da partida.

OLHA OS GOLS DA VITÓRIA DO SÃO BERNARDO !

ESTREIA DE TÉCNICO
Estreando o técnico Fernando Marchiori, demitido pelo Água Santa na última rodada, a Lusa chegou ao quinto jogo sem vencer e virou penúltimo colocado, com quatro pontos. A equipe foi ultrapassada pelo Penapolense, que arrancou um empate contra a Portuguesa Santista, por 1 a 1, fora de casa.

O São Bernardo, por outro lado, deu uma escalada na classificação, assumindo o segundo lugar, com onze pontos, aproveitando tropeços de rivais diretos como Taubaté, Portuguesa Santista e Sertãozinho.

O JOGO
Sob nova direção, a Portuguesa começou tentando controlar a partida, mas numa falha do sistema defensivo acabou saindo atrás do placar. Aos dez minutos, Léo Jaime tentou o drible, mas Léo Pereira cortou errado e deu nos pés de Pará. O lateral cruzou e Bruno Maia errou ao fazer o corte, mandando contra a própria meta.

São Bernardo atropelou a Portuguesa no 1.º de Maio. Foto: Diego Mota
São Bernardo atropelou a Portuguesa no 1.º de Maio. Foto: Diego Mota

O gol logo no início ditou o ritmo da partida. O São Bernardo esfriou o jogo tocando a bola e o restante do primeiro tempo foi fraco, sem emoções. A Portuguesa tentou reagir e só levou perigo em um lance fortuito de Vinícius Silva.

Ele tabelou com Raphael Toledo, recebeu na frente e tentou cruzar. A bola tomou uma direção diferente e quase surpreendeu Gasparotto, que teve que se virar pra fazer a defesa.

MESMA POSTURA
A Portuguesa manteve a postura no segundo, com proatividade e bola no chão. Apesar do domínio, faltou imaginação ao time. Quando se aproximava da meta adversária, a Lusa não encontrava espaço para finalizar e abusou dos cruzamentos, consagrando a dupla de zaga do São Bernardo, que ganhou todas pelo alto.

Tranquilo em sua estratégia, o São Bernardo se segurou e até assustou, especialmente em bolas paradas. Na oportunidade mais clara, Leandro Amaro subiu mais que a marcação da Portuguesa, testou firme, mas errou o alvo por pouco.

Aos 46 minutos, veio o segundo gol. Em cobrança de falta, Marlyson mostrou oportunismo e confirmou para as redes.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a jogar no domingo. O São Bernardo encara o Votuporanguense, às 10 horas, na Arena Plínio Marin. Mais tarde, a Portuguesa recebe o Monte Azul, às 16 horas, no Canindé, em São Paulo.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
6ª rodada
Data
12/02/2020
Horário
20h00
Local
Primeiro de Maio - São Bernardo do Campo (SP)
Árbitro
Alessandro Darcie

Renda
R$ 3.780,00
Assistentes
Alex Alexandrino e Fernando Afonso Gonçalves de Melo

Público
514 pagantes
Cartões Amarelos
São Bernardo: Natan, Fernando Júnior, Lucas Mota

Gols
São Bernardo: Bruno Maia 11' 1T (contra), Marlyson 46' 2T
São Bernardo
Gasparotto;
Lucas Mota, Leandro Amaro, Guilherme Mattis e Pará (Fernando Júnior);
Rodrigo Souza, Natan (Alex Guedes) e Douglas Cruz (Douglas Santos);
Léo Jaime, Marlyson e Léo Cereja
Técnico: Marcelo Veiga
Portuguesa
Dida;
Léo Pereira, Alex Flávio, Bruno Maia e Vinícius Silva;
Raniele (Lucas Siqueira), Raphael Toledo e Fabrício Costa (Cesinha);
Adilson Bahia, Wallace Lima e Jorge Eduardo (Roger Gaú
Técnico: Fernando Marchiori