São Bernardo 3 x 1 Água Santa - Bernô vence a primeira e complica Netuno

O tropeço em São Bernardo do Campo pode custar a primeira posição ao adversário

por Agência Futebol Interior

São Bernardo do Campo, SP, 16 (AFI) - O São Bernardo venceu a primeira no Campeonato Paulista da Série A2. Lanterna da competição, o time de Sérgio Soares conseguiu um milagre contra o líder Água Santa. Com gols de Felipe Fumaça, Ermínio e Régis Potiguar, o clube venceu por 3 a 1 no estádio Primeiro de Maio e já começa a fazer as contas nesta 12ª rodada para deixar as últimas posições. O tropeço em São Bernardo do Campo pode custar a primeira posição ao adversário.

Até este sábado o São Bernardo tinha seis empates e cinco derrotas, mas a vitória dentro de casa levou o clube a nove pontos, entrando na briga para deixar a zona de rebaixamento. Já o Água Santa conhece a sua segunda derrota consecutiva – vinha de revés para o Juventus – e segue com 25 pontos. Pode ser ultrapassado pelo XV de Piracicaba, que tem 23 e joga na segunda-feira.

PRIMEIRO TEMPO

Mesmo contra todas as expectativas, o São Bernardo conseguiu abrir o placar aos 19 minutos do primeiro tempo. Felipe Fumaça disparou nas costas da marcação, recebeu dentro da grande área e deu pinta que iria perder. O atacante perdeu o tempo e a marcação já estava encostando, só que ele arriscou um chute rasteiro. A bola passou por baixo das pernas do goleiro do Água Santa e morreu no fundo das redes.

São Bernardo derrota Água Santa - Liberta Produções
São Bernardo derrota Água Santa
Pouco tempo depois, com 37, o time da casa já conseguiu ampliar a vantagem. Em contra-ataque de almanaque, Ermínio recebeu um passe açucarado e marcou o segundo gol do jogo. O Água Santa conseguiu responder ainda no finalzinho primeiro, aos 42 minutos. A marcação do São Bernardo cochilou, Dadá tabelou e deu um lindo passe para Alvinho, na marca do pênalti, completa no cantinho do goleiro.

SEGUNDO TEMPO

No segundo tempo o Água Santa conseguiu equilibrar o jogo e até criou oportunidades para buscar o empate, mas pecava no último passe, que poderia resolver o jogo. O São Bernardo voltou mal do vestiário e demorou para retomar a intensidade, obrigando o técnico Sérgio Soares a mexer. No finalzinho, o time da casa conseguiu encaixar uma pressão e sufocou o adversário.

Careca encontrou um bom passe para Ermínio, que ficou frente a frente com o goleiro e bateu. No rebote, de cabeça, conseguiu perder um lance claro. Depois, o próprio Careca bateu firme e Paes espalmou em cena de cinema. De tanto insistir, aos 45 minutos, Régis Potiguar acertou uma cobrança de falta no ângulo, com o peito do pé. Uma bomba, sem a menor chance de defesa.

PRÓXIMOS JOGOS

Na próxima quarta-feira, às 19h30, o São Bernardo enfrenta o Linense no estádio Primeiro de Maio, novamente em São Bernardo de Campo. Já o Água Santa pega o Penapolense no estádio Distrital do Inamar, em Diamema, às 15 horas. Os dois jogos são da 13ª rodada do Campeonato Paulista da Série A2.

Ficha Técnica

Fase
Primeira Fase
Rodada
12ª rodada
Data
16/03/2019
Horário
15h00
Local
Primeiro de Maio - São Bernardo do Campo (SP)
Árbitro
Leandro Carvalho da Silva

Renda
R$ 9.725,00
Assistentes
Fernando Afonso Gonçalves de Melo e Bruna Silva de Jesus

Público
1557 pessoas
Cartões Amarelos
São Bernardo: Nando Carandina, Raphael Luz, Nicolas, Ermínio, Thiago Passos
Água Santa: Yuri Mamute, Lombardi , Alvinho , Careca

Gols
São Bernardo: Felipe Fumaça 19' 1T, Ermínio 36' 1T, Régis Potiguar 45' 2T
Água Santa: Alvinho 42' 1T
São Bernardo
Thiago Passos;
Edvan, Nicolas, Vinícius Leandro e Fernando Júnior;
Nando Carandina, Régis e Raphael Luz (Fernando Aguiar);
Léo Cereja (Dogão), Felipe Fumaça (Careca) e Ermínio.
Técnico: Sérgio Soares
Água Santa
Paes;
Genilson, Lombardi, Luizão e Bruno Recife;
Serginho (Kaique), Diogo Marzagão e Luan Dias (Yuri Mamute);
Everton, Alvinho (Maninho) e Dadá.
Técnico: Márcio Ribeiro