União Barbarense x Guarani - Duelo regional com cara de decisão

por Agência Futebol Interior

Santa Bárbara d´Oeste, SP, 23 (AFI) - Separados por cerca de 45 quilômetros, União Barbarense e Guarani fazem o clássico regional nesta quarta-feira, às 20 horas, em Santa Bárbara d´Oeste, pela penúltima rodada do Campeonato Paulista da Série A2. O jogo é decisivo para o futuro dos dois times na competição.

Principal decepção do campeonato, o Guarani passou de favorito a seriamente ameaçado de rebaixamento. A goleada por 4 a 0 aplicada no Pão de Açúcar tirou a equipe da "UTI", mas o clube ainda respira com a ajuda de aparelhos e precisa de nova vitória para receber "alta".

Os números dos rivais
Em 15° lugar com 20 pontos, um resultado positivo pode lembrar o Bugre da ameaça de rebaixamento caso o Osvaldo Cruz, 17° colocado com 17 pontos, não vença o São Bernardo. Se o Osvaldo Cruz vencer, o Guarani chega na última rodada, contra o Catanduvense, em Campinas, ainda sob risco de queda.

Já o União Barbarense, oitavo colocado com 27 pontos, superou o início ruim, quando chegou a rondar a zona de rebaixamento, e pode até se classificar já nesta quarta-feira. Para isso, precisa vencer o Guarani e torcer para que São Bento, São José e América não vençam suas partidas.

Volante é dúvida no Leão
Um dos principais responsáveis pelo "renascimento" do União Barbarense na Série A2, o técnico Paulo Roberto ganhou um problema para escalar a equipe. O volante Cláudio Brito sentiu uma lesão e é dúvida. Se for vetado Mário Pinho entra no meio-campo.

Desfalque certo é o também volante Vítor, machucado. Por outro lado, o zagueiro Clayton volta ao time após cumprir suspensão.

"Estamos motivados porque acreditamos que podemos buscar a classificação", comentou o experiente atacante Luciano Gigante (foto).

Os jogadores não reclama abertamente, mas os salários estão em atraso. A diretoria promete acertar tudo à tarde, momentos antes do jogo, o que seria um belo "doping". O campo acanhado e o apoio da torcida podem ser outros handicaps favoráveis.

"Independente de salário ou de pagamento de bicho, nosso time vai correr até o fim e vai buscar a vitória", avisou Paulo Roberto.

Guarani mais aliviado?
Com certeza a vitória sobre o Pão de Açúcar, por 4 a 0, deu um fôlego ao Guarani em termos de rebaixamento. Não o suficiente para esquecer que antes do início da competição,o Bugre era apontado como favorito disparado ao título e ao acesso. Pela primeira vez na história, o time vai disputar pelo segundo ano seguido (em 2011) a série A2, correspondente à Segunda Divisão.

Os jogadores, porém, não demonstram tanta preocupação e o técnico Vadão se mira, agora, em livrar o time da Série A3, o que seria uma humilhação maior para a torcida.

"Não pensamos nesta hipótese. Vamos jogar, como sempre fizemos, para vencer, mas respeitando o adversário, que é forte em seu campo", comentou Vadão.

Ex-Inter pode ser a novidade
Para este duelo decisivo, o técnico Vadão não poderá contar com o volante Luciano Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, quem deve ganhar uma chance é o volante Paulinho, contratado do Internacional-RS.

Outra mudança que poderia acontecer seria na lateral-esquerda. Moreno foi liberado pelo departamento médico e fica à disposição do treinador, mas pode voltar ao time titular somente contra o Catanduvense, no domingo. Fabinho almeida está escalado, bem como o lateral-direito Da Silva, recuperado de dores musculares que o tiraram durante o último jogo. O volante Léo Mineiro e o zagueiro Asprilla, com estiramento na coxa, desfalcam o Bugre.

Rádio Brasil ao Vivo
A Rádio Brasil Jovem Pan, de Campinas, vai transmitir este jogo sob o comando de Claudinei Corsi. Na cidade de Santa Babara d'Oeste as opções são a Rádio Azul Celeste e a Rádio Brasil AM.

Ficha Técnica

União Barbarense x Guarani

Local: Estádio Antônio Lins Ribeiro Guimarães, em Santa Bárbara d´Oeste
Data: 24/03/2010
Horário: 20 horas
Árbitro: Paulo Roberto de Souza Jr

União Barbarense
Gabriel; Renan, Du Lopes e Clayton; Danilinho, Cláudio Brito, André Silva, Fred e Renatinho; Emílio e Luciano Gigante.
Técnico: Paulo Roberto

Guarani
Juliano; Da Silva, Cássio, Valdir e Fabinho Almeida; Cléber Goiano, Maycon, Paulinho e Walter Minhoca; Fabinho e Ricardo Xavier.
Técnico: Vadão

 
 
" />