Santo André 0 x 1 Guarani - Bugre vence fora e tira o Santos do G-2 do Paulistão

O time campineiro fez mais um bom jogo e deu passo importante na briga pela classificação

por Agência Futebol Interior

Santo André, SP, 27 (AFI) - O Guarani entrou na zona de classificação do Grupo D e jogou o Santos para terceira posição ao derrotar o Santo André pelo placar de 1 a 0, na noite desta segunda-feira, no estádio Bruno José Daniel, pela oitava rodada do Campeonato Paulista.

Com o resultado, o Guarani ficou na vice-liderança do Grupo D, com 11 pontos, três atrás do Mirassol e dois na frente do Santos. O São Caetano é o quarto, com três. Já o Santo André ficou na quarta posição do Grupo A, com seis. Botafogo tem sete, Inter de Limeira, nove, e Corinthians lidera, com 21.

VEJA O GOL E OS MELHORES MOMENTOS

BUGRÃO NA FRENTE!
Sem vencer há cinco jogo e correndo sérios riscos de rebaixamento, o Santo André começou o jogo pressionando o Guarani e teve duas oportunidades de abrir o placar com Gegê, pelo alto, mas o meia acabou falhando em ambas. Com o passar do tempo, o time campineiro equilibrou as ações e começou a tomar o controle da partida.

Guarani derrota o Santo André. Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC
Guarani derrota o Santo André. Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

Apesar da leve superioridade, o Guarani sofreu com seu poder de criação e assustou apenas duas vezes. Na primeira, Fernando Henrique cortou mal e jogou a bola dos pés de Bruno Sávio, que mandou para fora. O mesmo Bruno foi o grande responsável para o time campineiro tirar o zero do placar.

Aos 32 minutos, Bruno Sávio trabalhou a bola com Matheus Ludke e deu assistência, no meio dos defensores, para Andrigo. O meia fechou os olhos e encheu o pé para conseguir superar o goleiro do Santo André. O atleta balançou as redes nas últimas três vezes que esteve em campo.

Andrigo fez o gol da vitória. Fotos: Thomaz Marostegan. GFC
Andrigo fez o gol da vitória. Fotos: Thomaz Marostegan. GFC
SEGUROU!
O panorama do segundo tempo não foi muito diferente. O Santo André continuou perdendo uma chance atrás da outra para empatar. Tiago Marques recebeu sozinho dentro da área, mas errou a cabeçada e jogou para fora. Gegê também teve uma chance, cara a cara com Rafael Martins. Ele jogou pela linha de fundo.

Em vantagem, o time campineiro foi 'cozinhando' o jogo, visando encaixar uma jogada de contra-ataque para liquidar a fatura. O Santo André, por outro lado, foi com tudo para cima, mas deu espaço para o adversário contragolpear.

Abraços para o gol de Andrigo
Abraços para o gol de Andrigo

Matheus Souza disparou em velocidade, invadiu a área e chutou em cima de Fernando Henrique. Na sobra, Rafael Costa mandou para fora.

Nos minutos finais, o Guarani se segurou como pôde para confirmar mais uma grande vitória fora de casa no torneio.

PRÓXIMOS JOGOS
O Santo André volta a campo na quinta-feira, às 22h15, para enfrentar a Ferroviária na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara. O Guarani só joga no domingo, frente ao Novorizontino, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

RÁDIO FI AO VIVO
Este jogo teve a transmissão da RÁDIO FUTEBOL INTERIOR, a maior audiência na WEB, também no Facebook e no Youtube.

A narração esteve a cargo de Gustavo Marques, reportagens de Levi Jr, comentários de Tiago Caetano e ancoragem de Claudinei Corsi.

OFERECIMENTO

Restaurante do Dadá, Pizzaria Dona Luiza, Proni Alimentos, Restaurante Romanos, Ovos Satoshi e Shimozono Mega Sorte Loterias.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
8ª rodada
Data
26/04/2021
Horário
22h15
Local
Canindé - São Paulo (SP)
Árbitro
Paulo Cesar Francisco

Renda
--
Assistentes
Neuza Ines Back e Amanda Pinto Matias

Público
Portões Fechados
Cartões Amarelos
Santo André: PH, Vitinho, Fernando Henrique -, Marcos Martins
Guarani: Rafael Costa, Romércio, Rafael Martins

Gols
Guarani: Andrigo 32' 1T
Santo André
Fernando Henrique;
Marcos Martins, Willian Goiano, Rodrigo e Bruno Santos;
Fraga (Marino), Caio Rangel (Tiago Marques), PH (Vitinho) e Gegê;
Ramon e Minho
Técnico: Alan Dotti (interino)
Guarani
Rafael Martins;
Matheus Ludke (Éder Sciola), Thales, Airton e Eliel;
Bruno Silva, Andrigo (Matheus Souza) e Índio;
Bruno Sávio (Romércio), Davó (Matheus Costa) e Júlio César (Pablo).
Técnico: Alan Aal