Estatísticas! São Paulo e Mirassol se enfrentam com ataque e bola aérea em evidência

Equipes que mais ganharam duelos aéreos abrem as quartas de final do Paulistão Sicredi

por Federação Paulista (FPF)

São Paulo, SP, 29 (AFI) - São Paulo e Mirassol jogam no Morumbi, nesta quarta-feira (29), às 19h, em jogo válido pelas quartas de final do Paulistão. Enquanto o time da casa chega credenciado com o melhor ataque da competição, o Mirassol tenta superar a remontagem do elenco que teve que fazer durante a pausa por conta da pandemia do Covid-19.

O São Paulo encerrou a primeira fase com o ataque mais positivo e o maior índice de posse de bola da competição. Além disso, foi o segundo que mais finalizou e que menos teve finalizações contra. Nas estatísticas individuais, destaque para Daniel Alves, com média de 92,53 passes a cada 90 minutos jogados, sendo 3,09 decisivos, e Pablo, maior finalizador do torneio com 39 chutes e cinco gols marcados.

São Paulo e Mirassol se enfrentam com ataque e bola aérea em evidência
São Paulo e Mirassol se enfrentam com ataque e bola aérea em evidência
A pandemia fez com que o Mirassol tivesse que mudar diversas peças durante a parada. Antes, o time tinha o ataque mais positivo, mas não marcou nas últimas duas rodadas. Outra característica da equipe é o bom índice de recuperação da bola, com média de 70,23 por jogo.

Os destaques individuais antes da parada eram Chico (3 assistências), Camilo (5 gols) e Luis Oyama (11,66 duelos defensivos por jogo). Todos, porém, já não fazem mais parte do elenco. Nos últimos jogos, quem se destacou foi Bruno Mota. O centroavante participou de 26 duelos aéreos e levou a melhor em 14 deles.

CONFIRA ABAIXO ALGUMAS ESTATÍSTICAS DOS DOIS CLUBES NESTE PAULISTÃO














Por Ruben Fontes Neto, especial para FPF