Paulistão tem clube eliminado e lanterna com chances de vaga; Confira os cenários!

Já o melhor clube do Paulistão poderá perder a vaga nas últimas duas rodadas

por Roberto Santana

Campinas, SP, 07 (AFI) - O Paulistão 2020, que se encontra paralisado por causa da disseminação da doença provocada pelo Covid-19, também no Estado de São Paulo, deverá retornar nos próximos dias. Com duas rodadas ainda a serem cumpridas pela fase inicial, apenas São Paulo e Red Bull Bragantino estão garantidos nas quartas de final.

Uma das outras seis vagas para a próxima fase só não será disputada pelo Botafogo, já que sua luta agora será exclusivamente contra o rebaixamento. Porém, até o Santo André, líder geral da competição, poderá ficar de fora da próxima fase; e a Ponte Preta, lanterna geral, ainda pode se classificar.

Veja, a seguir, o que cada um dos 13 clubes que ainda buscam a classificação (Santo André, Santos, Palmeiras, Corinthians, Oeste, Água Santa, Ponte Preta, Novorizontino, Mirassol, Inter de Limeira, Ituano, Guarani e Ferroviária), precisam fazer para conquistar uma das seis vagas:

NO GRUPO A –
Neste grupo, o Santos (15pg, 4 vitórias e saldo positivo de 2 gols) precisa apenas de um empate para garantir sua vaga. Seus últimos jogos: Santo André, na Vila Belmiro; e Grêmio Novorizontino, no Jorjão.

Oeste (10pg, 3V e saldo negativo de 13 gols) e Água Santa (10pg, 2V e saldo negativo de 7 gols) lutam por uma das vagas. O primeiro, precisará enfrentar a Inter, em Limeira; e o Corinthians, em Barueri.

Já, a equipe de Diadema, receberá o Mirassol e, depois, enfrentará o Palmeiras, no Allianz Parque. Somente o Oeste ainda depende somente de si para chegar à próxima fase, pois, vencendo seus dois próximos jogos, mesmo que o Água Santa também faça isso, ganharia o desempate pelo número de vitórias.

Bugre de olho na vaga e Macaca contra a degola. (Foto: David Oliveira / Guarani)
Bugre de olho na vaga e Macaca contra a degola. (Foto: David Oliveira / Guarani)
A Ponte Preta, quarta integrante do Grupo A, é lanterna desse grupo e de todo o campeonato, pois soma apenas sete pontos e conquistou apenas duas vitórias. Mas, por mais incrível que possa parecer, apesar de não depender mais somente de si, a Macaca ainda tem chances de classificação.

Se vencer seus próximos jogos – Grêmio Novorizontino, em Campinas; e Mirassol, em Mirassol – chegaria aos 13 pontos e ficaria com uma das vagas se Oeste e Água Santa tropeçarem nos seus dois últimos jogos, empatando ambos.

NO GRUPO B - O Santo André, apesar de ser o clube com a melhor campanha de toda a competição – é líder com os mesmos 19 pontos do vice Palmeiras, pois tem uma vitória à mais: 6 contra 5 do Verdão –, ainda não garantiu vaga à próxima fase.

Mas, assim como o Palmeiras, se classificará vencendo apenas um de seus dois últimos jogos: Santos, na Vila Belmiro; e, depois, o Ituano, em Santo André. O Verdão jogará primeiro contra o Corinthians, na Arena Corinthians; e, depois, pega o Água Santa, em Diadema.

O 3º colocado Novorizontino, 16 pontos e 3 vitórias, não depende mais somente de si para conquistar a classificação às quartas de final, pois, além de precisar vencer seus dois próximos jogos, terá que torcer para Santo André e Palmeiras não ganharem mais nenhum.

Assim, chegando aos 22 pontos, o Novorizontino obterá a classificação, mesmo que Santo André e Palmeiras empatem seus dois próximos jogos. O lanterna Botafogo (9pg, 2 vitórias e saldo negativo de 14 gols) não tem mais chance de classificação e sua luta continuará sendo contra o rebaixamento.

NO GRUPO C – Uma das duas vagas deste grupo já é do líder São Paulo (18 pontos, 5 vitórias e saldo positivo de 6 gols), que ainda pegará o Red Bull Bragantino em casa; e o Guarani, em Campinas.

A outra poderá ser do Mirassol (16pg, 4 vitórias e saldo positivo de 6 gols), desde que o Leão vença um ou empate seus dois próximos jogos: Água Santa, em Diadema; e Ponte Preta, em Mirassol.

A 3ª colocada Inter de Limeira (11pg, 3 vitórias e saldo negativo de 6 gols), não depende mais somente de si e só conseguirá chegar à próxima fase, se vencer o Oeste, em Limeira; e a Ferroviária, em Araraquara – e o Mirassol não vencer mais nenhum ou empatar seus dois jogos.

Já, o lanterna Ituano (10pg, 2 vitórias e saldo negativo de 5 gols), matematicamente ainda tem chances, mas necessitará da combinação de alguns verdadeiros milagres, ou seja: 1º) vencer seus dois próximos jogos – Ferroviária, em Itú; e, Santo André, em Santo André – chegaria aos 16 pontos; 2º) torcer para o Mirassol perder seus dois jogos, pois este continuaria com seus 16 pontos; e, 3º) tirar a vantagem de gols entre ambos, pois o Leão tem saldo positivo de 6 gols e o Galo de Itú saldo negativo de 5 gols.

Red Bull Bragantino já está classificado. (Foto: Divulgação)
Red Bull Bragantino já está classificado. (Foto: Divulgação)
NO GRUPO D
– Uma das duas vagas já é do líder Red Bull Bragantino (17pg, 5 vitórias e saldo positivo de 6 gols), que ainda pegará o São Paulo, no Morumbi; e o Botafogo, em Bragança Paulista.

A outra vaga será do vice Guarani (16pg, 4 vitórias, saldo positivo de 6 gols e 15 gols marcados), se empatar os dois próximos jogos, ou vencer um deles: Botafogo, em Ribeirão Preto; e, depois, São Paulo, em Campinas.

Se o Bugre empatar apenas um, chegaria aos 17 pontos e, assim, precisará torcer para que Corinthians (11pg, 2 vitórias e saldo positivo de 2 gols e 12 gols marcados – enfrentará o Palmeiras, na Arena Corinthians; e, depois pega o Oeste, em Barueri).

Ferroviária (11pg; 2 vitórias e saldo positivo de 2 gols e 11 gols marcados – pegará o Ituano, em Itú; e, depois, receberá a Inter, em Araraquara) não tirem sua vantagem no desempate pelo saldo de gols, caso Timão e Locomotiva vençam seus dois últimos jogos. Se todos empatarem no número de vitórias e saldo de gols, o próximo critério do desempate é o número de gols marcados.