Inter de Limeira 2 x 1 Oeste - Enquanto um ri, o outro chora!

Leão se mantém com chances de classificação e Rubrão segue na zona de rebaixamento

por Agência Futebol Interior

Limeira, SP, 23 (AFI) - A Inter de Limeira "matou dois coelhos com uma cajadada só" nesta quinta-feira com a vitória sobre o Oeste, por 2 a 1, na Arena Corinthians, pela penúltima rodada do Campeonato Paulista.

Além de afastar qualquer risco de rebaixamento, a Inter de Limeira segue com chances de classificação para as quartas de final. Na terceira colocação do Grupo C, o time tem 14 pontos. Contra 10 de Oeste e Ponte Preta, que só pode chegar aos 13 pontos, portanto, brigando contra o rebaixamento.

Para avançar, a Inter precisa ganhar da Ferroviária, às 16 horas do próximo domingo, no Morumbi, e torcer por uma derrota do Mirassol, com 17 pontos, para a Ponte Preta, no mesmo horário, em São Bernardo do Campo.

VEJA OS GOLS DO JOGO !

Já o Oeste se complicou na luta contra o rebaixamento e amarga a lanterna do Grupo A, com dez pontos. Na classificação geral, o time só está na frente do Botafogo-SP, que ainda joga na rodada.

No domingo, também às 16 horas, o Oeste recebe o Corinthians na Arena Barueri e, além de fazer sua parte, precisa torcer por tropeços dos seus concorrentes.

Inter de Limeira levou a melhor sobre o Oeste (Foto: Jeferson Vieira/Oeste)
Inter de Limeira levou a melhor sobre o Oeste (Foto: Jeferson Vieira/Oeste)

SUSTO INICIAL ACORDA O LEÃO
Precisando da vitória para deixar a zona de rebaixamento, o Oeste assustou antes mesmo do primeiro minuto. Bruno Paraíba chutou forte e Rafael Pin espalmou.

O time rubronegro se viu obrigado a fazer a primeira alteração logo aos dez minutos.

Em um choque com o próprio companheiro Roberto, Lídio sangrou muito na região do supercílio e deu lugar para Bruno Bispo. A Inter de Limeira foi se soltando e aos poucos começou a tomar conta da partida.

PLACAR ABERTO
A pressão surtiu efeito e a Inter abriu o placar aos 28 minutos. Geovane cruzou e a bola acertou o braço de Fabrício Oya. O árbitro assinalou pênalti, convertido por Murilo Rangel. Caíque França ainda chegou a tocar na bola.

O segundo gol da Inter só não saiu aos 36 porque a finalização de Tcharlles explodiu na trave. Nos acréscimos, Fabrício Oya cobrou falta, Rafael Pin furou e quase Bruno Bispo completa. Por muito pouco não saiu o empate do Oeste.

Murilo Rangel marcou o primeiro gol da Inter de Limeira (Foto: Jeferson Vieira/Oeste)
Murilo Rangel marcou o primeiro gol da Inter de Limeira (Foto: Jeferson Vieira/Oeste)

BALDE DE ÁGUA FRIA
O Rubrão voltou mais ligado do intervalo e levou perigo aos nove minutos. Bruno Lopes arriscou e Rafael Pin espalmou.

O balde de água fria foi jogado pela Inter de Limeira aos 16 minutos.

Lucas Braga fez fila dentro da área e ainda contou com a sorte quando a bola desviou em Bruno Bispo antes de entrar.

Na sequência, Fabrício Oya quase diminuiu para o Oeste, mas a bola acertou a trave de Rafael Pin.

AINDA DÁ?

Aos 25, Marlon fez grande jogada individual, invadiu a área e na hora da finalização foi travado pela zaga. A bola perdeu força e foi nas mãos de Rafael Pin.

O Oeste viu uma luz no fim do túnel aos 40 minutos, quando Bruno Paraíba completou, de cabeça, cruzamento de Salomão. Mas já era tarde demais.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
11ª rodada
Data
23/07/2020
Horário
17h30
Local
Arena Corinthians - São Paulo (SP)
Árbitro
Marcio Henrique de Gois

Assistentes
Fabio Rogerio Baesteiro e Paulo Cesar Modesto

Cartões Amarelos
Inter de Limeira: Elácio, Geovane
Oeste: João Paulo

Gols
Inter de Limeira: Murilo Rangel 28' 1T, Lucas Braga 16' 2T
Oeste: Bruno Paraíba 40' 2T
Inter de Limeira
Rafael Pin;
Jean Pablo, Roger Bernardo e Oliveira;
Elácio, Marquinhos, Geovane (Recife), Murilo Rangel (Matheus Neris) e Jonathan;
Lucas Braga e Tcharlles.
Técnico: Elano
Oeste
Caíque;
Eder Sciola, Sidimar, Lídio (Bruno Bispo) e Salomão;
Betinho (Tite), Mantuan e Fabrício Oya (João Paulo);
Roberto (Marlon), Bruno Lopes (Kauã Jesus) e Bruno Paraíba.
Técnico: Renan Freitas