Estatísticas! Com números distintos, Palmeiras e Santo André buscam vaga na semi

Alviverde tem bons números ofensivos, enquanto o time do ABC se mostrou efetivo para garantir classificação

por Federação Paulista (FPF)

São Paulo, SP, 29 (AFI) - Quando a bola rolar no Allianz Parque, nesta quarta-feira (29), às 21h30, não será surpresa caso o jogo se mostre um ataque x defesa. É com estatísticas distintas que Palmeiras e Santo André conseguiram a classificação na fase inicial do Paulistão e agora disputam uma vaga entre os quatro melhores da competição.

Embora tenha a melhor defesa do campeonato, com apenas seis gols sofridos, o Palmeiras se mostra um time ofensivo. Se não tem o melhor ataque, a equipe alviverde é, porém, quem mais finaliza a gol no torneio, a segunda que mais troca passes e a terceira que mais tenta dribles.

 Com estatísticas distintas, Palmeiras e Santo André buscam vaga na semi
Com estatísticas distintas, Palmeiras e Santo André buscam vaga na semi
Com 27 finalizações, Willian é quem mais chuta a gol no Palmeiras, sendo vice-artilheiro do torneio com seis marcados. Com Bruno Henrique responsável por organizar o jogo (70,91 passes a cada 90 minutos), Rony é o responsável por dar dinâmica no ataque com média de 29,14 duelos e 9,87 dribles a cada 90 minutos.

Até a parada para a pandemia, o Santo André era o time de melhor campanha. Em campo, o time andreense não faz questão de ter a posse de bola, sendo o de menor percentual entre os 16 participantes e também quem menos troca passes. O time compensou isso com muita efetividade no ataque, especialmente com Ronaldo, autor de cinco gols, mas que deixou o clube durante a pandemia. Sem ele, os destaques individuais ficam por conta do volante Nando Carandina e Rodrigo, com 7,79 e 7,27 interceptações a cada 90 minutos jogados.

CONFIRA ABAIXO ALGUMAS ESTATÍSTICAS DOS DOIS CLUBES NESTE PAULISTÃO

Por Ruben Fontes Neto, especial para FPF